TERÇA-FEIRA, 05/03/2024
Publicidade

L

Saúde

Pandemia tem influência no aumento do trabalho infantil, diz OIT

Para organização, houve um retrocesso histórico

Por Daniella Almeida - Repórter da Agência Brasil - 20

Publicado em 

Pandemia tem influência no aumento do trabalho infantil, diz OIT
Antônio Cruz/Agência Brasil
A pandemia de covid-19, o abandono escolar e a redução da efetividade de políticas do governo brasileiro de proteção social ou, até mesmo, a descontinuidade de algumas ações federais, entre 2019 e 2022, foram apontadas pela Organização Internacional do Trabalho (OIT), como as três principais causas para o aumento do trabalho infantil em 2022 no Brasil. A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua sobre o Trabalho de Crianças e Adolescentes, divulgada nesta quarta-feira (20), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), revela que, no ano passado, 1,9 milhão de crianças e adolescentes com 5 a 17 anos de idade (ou 4,9% desse grupo etário) trabalhavam ilegalmente, no Brasil.Pandemia tem influência no aumento do trabalho infantil, diz OIT - News RondôniaPandemia tem influência no aumento do trabalho infantil, diz OIT - News Rondônia

O diretor do Escritório da OIT no Brasil, Vinícius Carvalho Pinheiro, classificou o aumento do trabalho infantil no país como um retrocesso histórico. “A pandemia [de covid-19] foi uma espécie de tempestade perfeita, porque ela produziu, de um lado, uma redução da renda dos domicílios, uma crise econômica. Por outro lado, houve um aumento da deserção escolar relacionado, em especial, a políticas de confinamento, com o difícil acesso à educação, e isso fez com que as crianças ficassem mais em casa e fossem enviadas ao mercado de trabalho. E também contribuiu para isso uma desarticulação das políticas públicas relacionadas com esse termo.”

Apesar do quadro do trabalho infantil retratado no Brasil, a coordenadora das Pesquisas por Amostragem do IBGE, Adriana Beringuy, admitiu que os dados divulgados por ela, em Brasília, não surpreenderam. “Havia uma ideia por parte de pesquisadores e especialistas do tema, que o impacto da pandemia sobre domicílios de maior vulnerabilidade, de famílias mais pobres, pudesse ter como um dos efeitos a intensificação da participação de crianças e adolescentes na situação de trabalho infantil. E de fato, os dados confirmaram essa análise ou essa previsão, muito baseados no impacto relacionado à precariedade dos domicílios de mais baixa renda.”

Brasília (DF), 20/12/2023, A coordenadora de Pesquisas por Amostra de Domicílios do IBGE, Adriana Beringuy,  durante entrevista coletiva para divulgar a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua) - Trabalho de Crianças e Adolescentes de 5 a 17 anos de idade - 2022 .  Foto: Antônio Cruz/Agência Brasil
Coordenadora de Pesquisas por Amostra de Domicílios do IBGE, Adriana Beringuy, durante entrevista coletiva para divulgar a PNAD – Antônio Cruz/Agência Brasil

Agenda 2030

O Brasil se comprometeu, dentro da Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU), a promover o trabalho decente e erradicar, até 2025, entre outras atividades, o trabalho infantil, em todas as suas formas, principalmente aqueles da Lista das Piores Formas de Trabalho Infantil (Lista TIP).

No entanto, o diretor da OIT-Brasil diz acreditar que o retrocesso brasileiro pode comprometer o cumprimento da meta (8.7), até 2025. E que é preciso agir rapidamente para alcançá-la.

“É hora de pensar em políticas, colocar os trens nos trilhos da redução [do trabalho infantil] e pisar no acelerador para fazer a redução do trabalho infantil. Talvez, a gente não consiga atingir as metas dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, os ODS, de 2025, mas pelo menos, para 2030, possa ter uma tendência clara de queda”.

Reversão do quadro

A secretária Nacional de Cuidados e Família do Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS) e ex-diretora da OIT-Brasil, Laís Abramo, reafirmou que a alta de 7% do trabalho infantil, entre 2019 e 2022, estaria diretamente ligada à desestruturação de política públicas no período, promovida no governo do ex-presidente Jair Bolsonaro. “Isso tem a ver com todo um processo de desconstrução de políticas de proteção social, de diálogo social, que estavam em vigência e que foram muito debilitadas, no governo anterior, no governo Bolsonaro. Entre elas, o desfinanciamento da proteção social e do Programa de Erradicação de Trabalho Infantil, que sempre foi um programa de referência nessa área.”

Porém, a secretária aponta que a realidade do atual governo federal está focada na reconstrução de espaços de diálogo social e das políticas públicas, entre elas, a recomposição do financiamento do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) e a volta da Comissão Nacional de Erradicação do Trabalho Infantil (Conaeti), consideradas por ela centrais na prevenção e erradicação do trabalho infantil. “A gente espera reverter esse quadro e se aproximar dos compromissos que o Brasil tem em relação, tanto à Agenda 2030, com a erradicação do trabalho infantil, quanto à “Iniciativa Regional América Latina e Caribe Livre de Trabalho Infantil”, que o Brasil sempre teve um papel de liderança também na região.”

O diretor da OIT entende que é necessário focar em políticas públicas efetivas que visem a proteção integral de crianças e adolescentes. “Políticas de proteção, em especial políticas de transferência de renda […]. Políticas de renda e emprego para os pais e mães, ou seja, sem trabalho, se as famílias não estão bem, os filhos não vão estar bem. Políticas de acesso à educação de qualidade e políticas, em especial, para os grupos de 16, 17 anos, de aprendizagem inclusiva que incluam os jovens no mercado de trabalho”, frisa Vinícius Pinheiro.

Brasília (DF), 20/12/2023, O diretor do Escritório da OIT para o Brasil, Vinícius Pinheiro, durante entrevista coletiva para divulgar a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua) - Trabalho de Crianças e Adolescentes de 5 a 17 anos de idade - 2022 .  Foto: Antônio Cruz/Agência Brasil
Diretor do Escritório da OIT para o Brasil, Vinícius Pinheiro – Antônio Cruz/Agência Brasil

O diretor do Organismo internacional compreende que no Brasil sempre existiu por uma parte da sociedade, uma cultura favorável ao trabalho infantil, como forma de tirar crianças e jovens do consumo de drogas ou de atividades ilícitas. Mas, o diretor insiste que devem ser rebatidos os argumentos que apoiam o uso de mão de obra precoce no país, para que os números do trabalho infantil voltem a cair.

“As pessoas têm que entender que no momento em que se tira um filho da escola e o coloca para trabalhar, na verdade, você está hipotecando o futuro dessa criança, da família, o futuro econômico do país. Porque as crianças, quando entram nesse mercado de trabalho, entram em uma armadilha de pobreza. Então, as famílias pobres são pobres porque colocam as crianças no mercado de trabalho. Elas deixam de estudar, permanecem pobres e não conseguem ter emprego de qualidade. Um ciclo vicioso da pobreza”.

Dados

No ano passado, cerca de 42,6% dos que se encontravam em trabalho infantil exerciam atividades em três grandes grupos: 27,9% no comércio, 22,8% na agricultura e 6,7% nos serviços domésticos.

O crescimento do trabalho de crianças e jovens de 5 a 17 anos no campo preocupa especialistas, como a coordenadora do IBGE, Adriana Beringuy. “Muitas vezes, o trabalho infantil está dentro de um contexto de vulnerabilidade da família, de domicílios de mais baixa renda e essa situação é bastante presente, por exemplo, em áreas rurais do país. Em parte, isso, explica uma tendência maior de crianças, em situação de trabalho infantil, envolvidas nas atividades agrícolas.”

Em 2022 havia, no país, 582 mil crianças e adolescentes de 5 a 17 anos de idade que realizavam atividade econômica e residiam em domicílios assistidos por programas sociais do governo federal, como o Bolsa Família. A coordenadora Nacional das Medidas Sociais Educativas e Programas Intersetoriais do MDS, Ana Carla Costa Rocha, explica que o dado mostra a vulnerabilidade econômico-social deste público. “Os programas e benefícios sociais assistenciais são complementação de renda, não são a renda mínima. Então, precisamos dialogar ainda mais sobre o trabalho para os adultos, a questão do horário integral na educação e validar, cada vez mais, o plano do Brasil Sem Fome”.

A proporção de pretos ou pardos em trabalho infantil é de 66,3%. “A questão de raça é estrutural, tanto do mercado de trabalho como da sociedade. Então, de novo, está associado ao mecanismo das armadilhas de pobreza”, declarou o diretor da OIT-Brasil.

As crianças que trabalham nas ruas não entraram nas estatísticas no IBGE. Durante a apresentação da Pnad, os presentes sugeriram mudanças nos futuros levantamentos para tirar a invisibilidade da situação e contribuam na elaboração de políticas públicas específicas.

Lista TIP

Em 2022, havia 756 mil crianças e adolescentes no país exercendo as piores formas de trabalho infantil, que estão descritas na Lista TIP. O diretor da OIT-Brasil, Vinícius Pinheiro, se preocupa com os riscos de acidentes e prejuízos à saúde de crianças e adolescentes trabalhadores nessas atividades proibidas. “São 50 mil crianças a mais nesses setores. Talvez, essa seja uma das cicatrizes mais nefastas que a pandemia deixou. São 8% de aumento em relação a 2019, nas piores e mais nefastas formas de emprego. Isso é extremamente preocupante.”

Consequências negativas

O trabalho infantil é ilegal e priva crianças e adolescentes de uma infância normal, com jornadas excessivas, práticas perigosas e que impactam a educação e a saúde do público infanto-juvenil. É o que esclarece a coordenadora do Programa de Princípios e Direitos Fundamentais no Trabalho da OIT-Brasil, Maria Cláudia Falcão.

“Sabemos que, muitas vezes, o trabalho impede que essa criança consiga realmente se desenvolver em todas as suas capacidades intelectuais. Há a questão da saúde. Determinados trabalhos podem comprometer o desenvolvimento físico dessa criança, se ela carrega um peso maior do que ela consegue”, exemplifica.

Especificamente, sobre atividades perigosas que constam na Lista TIP, Maria Cláudia Falcão diz que devem ser eliminadas. “Todos os tipos de trabalho infantil precisam ser eliminados. As atividades perigosas têm um caráter prioritário, porque essas, sim, de acordo com uma lista, foram devidamente analisadas por médicos do trabalho, por psicólogos, e afetam o desenvolvimento físico e psicológico dessa criança. E muitas vezes, sabemos que existe até uma subnotificação de óbitos relacionados a esse tipo de trabalho.”

[“O trabalho infantil] é um problema também de desenvolvimento do país. Um país que não cuida de suas crianças e seus adolescentes e que os coloca em uma situação de um trabalho não protegido, isso afeta, sim, a geração futura que vai estar à frente desse país”, conclui Maria Cláudia Falcão.

Publicidade

NEWS QUE VOCÊ VAI QUERER LER

Dia de conscientização destaca importância da vacinação contra o HPV

Dia de conscientização destaca importância da vacinação contra o HPV

Especialista garante que imunização é segura e protege contra o câncer.
L
Dengue: 14,7% das vacinas distribuídas aos municípios foram aplicadas

Dengue: 14,7% das vacinas distribuídas aos municípios foram aplicadas

Distrito Federal avalia ampliar público-alvo para não perder doses
L

Alerta sobre importância da prevenção ao câncer do colo do útero reforça a Campanha Março Lilás

A POC atende a população de todo o Estado, oferecendo serviços e exames na especialidade
L
Prefeitura convoca servidores do âmbito da saúde

Prefeitura convoca servidores do âmbito da saúde

Convocados devem comparecer para entrega de documentação.
L
Pais não podem desperdiçar chance de vacinar contra dengue, diz Nísia

Pais não podem desperdiçar chance de vacinar contra dengue, diz Nísia

Ministra da Saúde participou do Dia D de combate à doença
L
Publicidade
Publicidade

DESTAQUES NEWS

Briga familiar expõe estupro de pai contra as filhas em distrito de Porto Velho

O caso aconteceu no distrito de Vista Alegre do Abunã e a mãe das vítimas tinha conhecimento.
12
Promoção: concorra a uma Cachaça Original D’Minas Piña Colada

Promoção: concorra a uma Cachaça Original D’Minas Piña Colada

O News Rondônia e 3079 Destilados vão presentear um internauta com uma bebida mista de abacaxi com coco e cachaça. Saiba como participar e aproveitar o final de semana com a Cachaça Original D’Minas Piña Colada.
L

Transformação pela Fé: a jornada de superação do Pastor Sávio

De desafios a triunfos: como a fé moldou o líder da Igreja Pentecostal Nova Esperança
L
no acre, mariana silva e waldez góes percorrem regiões atingidas pela enchente

No Acre, Marina Silva e Waldez Góes percorrem regiões atingidas pela enchente

Rio Acre atinge a segunda medida histórica em um cenário que coloca o governo local como mero expectador.
L
JUS PUNIENDI: FICCO/RO deflagra operação contra tortura e organização criminosa na capital

JUS PUNIENDI: FICCO/RO deflagra operação contra tortura e organização criminosa na capital

Foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão.
10
Publicidade

EMPREGOS E CONCURSOS

Vaga de Empregos

Vaga de Emprego: Copeira na Pousada Surya

Se você possui habilidades culinárias, experiência na área e proatividade, essa oportunidade pode ser para você!
L

Inscrições para seleção do MP para estágio em Direito serão abertas na próxima sexta-feira

O processo seletivo busca a formação de cadastro de reserva em Porto Velho e em outras 22 comarcas.
L

Prefeitura divulga homologação dos inscritos para serviço voluntário

Os candidatos selecionados prestarão serviço diário, com duração de quatro horas por dia, de segunda a sexta-feira
L
VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

Os atendimentos presenciais serão realizados das 07h30 às 13h30 para os que não possuem acesso à internet.
L
VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

Empresa Abre Vagas para Auxiliar de Escritório para Pessoas com Deficiência (PCD) em Porto Velho

Se você possui habilidades administrativas, está em busca de oportunidades de trabalho e deseja fazer parte de uma empresa que valoriza a inclusão, esta pode ser a chance que você esperava!
L
Publicidade

POLÍTICA

Governo Lula apresenta projeto de lei para regulamentar trabalho por aplicativos

Governo Lula apresenta projeto de lei para regulamentar trabalho por aplicativos

PL prevê pagamento de piso por hora e contribuição ao INSS, mas deixa entregadores de fora.
L
Deputado Edevaldo Neves agradece prefeito pela parceria desde a época de vereador

Deputado Edevaldo Neves agradece prefeito pela parceria desde a época de vereador

Parceria entre Edevaldo Neves e Prefeito Hildon Chaves resulta em melhorias para a região norte de Porto Velho.
L

Lei de cota racial criada por Cláudia de Jesus para concursos começa ser aplicada

Legislação estabelece 20% de vagas em concursos para pessoas negras
L

Projeto de Lei da Deputada Federal Cristiane Lopes busca atender necessidades de pacientes com doenças raras

Com total comprometimento com a causa, em 2023 protocolou o Projeto de Lei nº 2684, que propõe a instituição da Política de Atenção Integral à Saúde das Pessoas com Doenças Raras.
L

Dra Taíssa propõe distribuição gratuita de uniforme para alunos da rede estadual que possuem Cadastro Único

Proposta visa garantir o acesso à educação e reduzir o índice de evasão escolar.
L
Publicidade

POLÍCIA

URGENTE: Homem foge após atropelar Ex-mulher que estava na garupa de moto na zona leste

URGENTE: Homem foge após atropelar Ex-mulher que estava na garupa de moto na zona leste

A PM foi acionada para registrar a ocorrência.
14
PM frustra assalto em lanchonete na Mamoré

PM frustra assalto em lanchonete na Mamoré

Um celular e R$15 foram roubados.
12
URGENTE: Caminhão invade preferencial e causa grave acidente com casal em moto na zona leste

URGENTE: Caminhão invade preferencial e causa grave acidente com casal em moto na zona leste de Porto Velho

A PM isolou o local e acionou o resgate para atender a vítima.
16
FUGA ALUCINADA: Ladrão de residência é preso após perseguição em Porto Velho

FUGA ALUCINADA: Ladrão de residência é preso após perseguição em Porto Velho

Após a abordagem, apenas um dos suspeitos foi localizado.
12
Motoboy vítima de mal súbito morre no hospital em Porto Velho

Motoboy vítima de mal súbito morre no hospital em Porto Velho

Tiago que trabalhava seguia pela Amazonas sentido bairro, quando acabou passando mal ao parar no semáforo.
18
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Requerimento da Licença Ambiental: CLIMATIZACAO NUNES LTDA

LICENÇA AMBIENTAL SIMPLIFICADA
L

Recebimento da Licença Ambiental: M R COMERCIO DE PEÇAS E SERVIÇOS PARA MOTOS

LICENÇA AMBIENTAL SIMPLIFICADA Nº 44 SOL/DLA
L

Requerimento da Licença Ambiental: S. C. ARRUDA DE BARROS

Licença Ambiental por Declaração – (Modo Simplificado)
Uber pede ao STF suspensão de processos sobre vínculo trabalhista

Uber pede ao STF suspensão de processos sobre vínculo trabalhista

Para advogados, é preciso esperar posicionamento final da Corte
L
Terceiro ano faz trote com tema Minions e viraliza na internet

Terceiro ano faz trote com tema Minions e viraliza na internet

Outro aluno ainda aparece fantasiado como “Vector”, o vilão trapalhão da animação.
L
Inadimplência do consumidor aumenta em janeiro, após 2 meses de queda

Inadimplência do consumidor aumenta em janeiro, após 2 meses de queda

Número de inadimplentes chegou a 72,07 milhões, segundo a Serasa.
L
Surfe: Brasil domina ISA Games e vai com força máxima para Paris 2024

Surfe: Brasil domina ISA Games e vai com força máxima para Paris 2024

Título de Medina e 2º lugar de Tati Weston Webb garantem mais 2 vagas
L

Agenda News: Porto Velho Shopping recebe a Carreta do Amor com exames gratuitos para mulheres

Mamografia e Papanicolau são oferecidos por ordem de chegada até o dia 15 de março no acesso D.
L

Erro Judicial: Idosa de 77 Anos detida por engano no Maranhão

Uma falha judiciária em Rondônia leva à prisão indevida de uma senhora no Maranhão, desencadeando uma onda de indignação e pedidos de justiça.
L