QUARTA-FEIRA, 29/05/2024

MPF pede arquivamento de projeto que proíbe casamento homoafetivo

Texto está em tramitação na Câmara dos Deputados

Por Andreia Verdélio/Agência Brasil - 35

Publicado em 

Atualizado em 

MPF pede arquivamento de projeto que proíbe casamento homoafetivo
© Lula Marques/ Agência Brasil

A Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão (PFDC), órgão do Ministério Público Federal (MPF), pediu a rejeição e o arquivamento do projeto de lei que quer proibir a união civil de pessoas do mesmo sexo no Brasil. De acordo com a procuradoria, além de inconstitucional, a proposta afronta princípios internacionais e representa retrocesso no que diz respeito aos direitos e garantias fundamentais das pessoas LGBTQIA+.MPF pede arquivamento de projeto que proíbe casamento homoafetivo - News RondôniaMPF pede arquivamento de projeto que proíbe casamento homoafetivo - News Rondônia

O texto está em tramitação na Câmara dos Deputados. Em nota pública enviada à Casa na sexta-feira (22), a procuradoria avalia que negar a possibilidade de união civil homoafetiva significa dizer que os homossexuais teriam menos direitos que os heterossexuais, “criando uma hierarquia de seres humanos com base na orientação sexual”.

Para a procuradoria, esse entendimento seria contrário a preceitos constitucionais, como o da dignidade do ser humano e a proibição de qualquer forma de discriminação. “Essa ideia colide frontalmente com a essência da Constituição da República Federativa do Brasil, a qual busca estruturar uma nação em que a convivência entre os diferentes seja pacífica e harmônica”, diz a nota.

“Uma eventual aprovação desse projeto não significa apenas o Estado assumir que existe um modelo correto de casamento e que este modelo seria o heterossexual. Significa também dizer que o Estado reconhece as pessoas não heteronormativas como cidadãs e cidadãos de segunda classe, que não podem exercitar todos os seus direitos, em função de sua orientação sexual”, destacou a procuradoria.

A Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão citou dados do IBGE que apontam que, apenas em 2021, 9,2 mil casais de mesmo sexo formalizaram sua união estável em cartório. Caso o projeto se torne lei, o órgão do MPF alerta que novas uniões estarão vedadas ou não surtirão os efeitos legais desejados, “criando evidente e injustificado desequilíbrio entre pessoas homo e heterossexuais”.

Além disso, de acordo com a nota, a união civil é um ato voluntário e privado, “cuja essência é concretizar uma parceria entre duas pessoas para uma vida em comum”. “Nesse sentido, pouco importa a orientação sexual de quem está se unindo, e isso não diz respeito a toda coletividade, em um Estado democrático que garanta as liberdades fundamentais, em especial as dos indivíduos”, diz.

Na avaliação da procuradoria, o projeto tenta cercear o direito de escolha dos indivíduos, em situação que se refere eminentemente à esfera privada.

A votação do Projeto de Lei 5.167/2009 estava na pauta do dia 19 na Comissão de Previdência, Assistência Social, Infância, Adolescência e Família da Câmara dos Deputados, mas foi adiada para a próxima quarta-feira (27). Pelo acordo entre as lideranças partidárias, antes de colocar o texto em votação, a comissão realizará uma audiência pública na terça-feira (26) para debater o tema.

Histórico

Em 2011, o Supremo Tribunal Federal (STF) equiparou as relações entre pessoas do mesmo sexo às uniões estáveis entre homens e mulheres, reconhecendo, assim, a união homoafetiva como núcleo familiar. A decisão foi tomada no julgamento da Ação Direta de Inconstitucionalidade 4277 e da Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental 132.

Além disso, o STF entendeu que não há na Constituição um conceito fechado ou reducionista de família, nem qualquer formalidade exigida para que ela seja considerada como tal. Em 2013, o Conselho Nacional da Justiça (CNJ) determinou que todos os cartórios do país realizassem os casamentos homoafetivos.

“A decisão do STF tratou de assegurar a equidade de tratamento entre casais hétero e homoafetivos. Permitiu a cônjuges homossexuais o estabelecimento de união civil por meio de contrato reconhecido pelo Estado, garantindo-lhes direitos como herança, compartilhamento de planos de saúde, direitos previdenciários e outros, já reconhecidos aos consortes heterossexuais”, explicou a procuradoria.

O texto em discussão na Câmara dos Deputados, de relatoria do deputado Pastor Eurico (PL-PE), pretende incluir no Artigo 1.521 do Código Civil o seguinte trecho: “Nos termos constitucionais, nenhuma relação entre pessoas do mesmo sexo pode equiparar-se ao casamento ou a entidade familiar”. Atualmente, o Artigo 1.521 enumera os casos em que o casamento não é permitido, como nos casos de união entre pais e filhos ou entre pessoas já casadas.

Na justificativa, o relator afirma que o casamento “representa uma realidade objetiva e atemporal, que tem como ponto de partida e finalidade a procriação, o que exclui a união entre pessoas do mesmo sexo”.

Para a procuradoria, o PL relativiza a laicidade do Estado brasileiro, ao se basear em argumentos fundados numa visão cristã do casamento, tido como instituição voltada à geração de descendentes. “A imposição de um viés religioso geral a escolhas particulares nos leva em direção a uma teocracia ou a totalitarismos, nos fazendo retroceder alguns séculos no tempo”, diz o documento.

Para o deputado Pastor Eurico, ao validar a união homoafetiva, o STF teria usurpado a competência do Congresso Nacional de regulamentar o tema. A procuradoria também rebateu o argumento avaliando que a Suprema Corte exerceu sua competência interpretativa do direito, ao firmar entendimento de que a citação expressa a homem e mulher na Constituição de 1988 decorreu da necessidade de se explicitar o patamar de igualdade de direitos entre as partes do casal.

Caso seja aprovado na Comissão de Previdência, Assistência Social, Infância, Adolescência e Família, o projeto segue para a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), em caráter conclusivo. Ou seja, não precisaria ir ao plenário em caso de nova aprovação, seguindo direto para apreciação do Senado. Só iria ao plenário se ao menos 52 deputados assinassem um recurso nesse sentido.

O ambiente na CCJ, no entanto, é menos favorável do que na comissão anterior, já que é presidido por Rui Falcão (PT-SP), da base governista e contrária ao projeto. E a ele cabe decidir quais projetos entram na pauta da CCJ.

Publicidade
Publicidade
ELEIÇÕES
Publicidade

NEWS QUE VOCÊ VAI QUERER LER

Congresso mantém veto de Bolsonaro sobre Fake News nas Eleições: Bancada de Rondônia comemora

A votação contou com a participação dos deputados de Rondônia. No total, foram 317 votos pela manutenção, 139 contrários e 4 abstenções na votação na Câmara dos Deputados.
L
Dr. Fernando Máximo propõe desburocratizar o BPC-LOAS para beneficiar pessoas com deficiência e incapacitadas para o trabalho

Dr. Fernando Máximo propõe desburocratizar o BPC-LOAS para beneficiar pessoas com deficiência e incapacitadas para o trabalho

Embora exista o Benefício de Prestação Continuada (BPC-LOAS), na opinião do congressista rondoniense, há fatores limitadores que deixam várias pessoas alheias a receber este direito.
L

Entrevista com Douglas Lopes no Giro News: Propostas para Melhorar Porto Velho

Na segunda-feira, dia 27, André Henrico entrevistou Douglas Lopes, pré-candidato a vereador, que apresentou suas ideias e trajetória política
L

Entrevista com pré-candidato a vereador de Porto Velho Matheus Serrate no Giro News: O Futuro do Agronegócio e da Sustentabilidade em Porto Velho

Na segunda-feira, dia 27, André Henrico entrevistou Matheus Serrate, jovem empresário agropecuarista e pré-candidato a vereador
L

Morre em Manaus, Arthur Bisneto

Ele era filho do ex-prefeito Arthur Virgílio Neto e chegou a disputar o Governo do Amazonas como vice de Omar Aziz.
L
Publicidade

DESTAQUES NEWS

Comissão do Senado aprova prorrogação do Plano Nacional de Educação

Comissão do Senado aprova prorrogação do Plano Nacional de Educação

Ele vai vigorar até dezembro de 2025
L
Programa Brasil Digital vai aumentar alcance da TV com mais definição

Programa Brasil Digital vai aumentar alcance da TV com mais definição

Portaria estabelece regras para ampliar oferta em 250 municípios
L
ATENÇÃO: 7,8 milhões de MEI’s ainda não enviaram a Declaração Anual

Coluna do Simpi: Senhores! Vamos para Lisboa?

A escolha da Europa se deve ao seu vasto mercado com cerca de 750 milhões de consumidores, e às oportunidades que oferece.
L

No Amazonas, “Boi Garantido” se despede de Dijdja, ex-sinhazinha da fazenda

Dijdja Cardozo se despediu da vida nesta terça-feira (28), aos 32 anos.
L

Bares estão liberados para tocar música ao vivo até às 4 da manhã em Candeias do Jamari, diz lei

Caberá à Secretaria de Meio Ambiente, a fiscalização e o cumprimento da lei no município.
L
Publicidade

EMPREGOS E CONCURSOS

Prefeitura de Porto Velho convoca candidatos classificados em processo seletivo para área da saúde

Os candidatos devem comparecer à Semad nos próximos 15 dias corridos, a contar do primeiro dia útil posterior à data da publicação do edital
L
VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

Os atendimentos presenciais serão realizados das 07h30 às 13h30 para os que não possuem acesso à internet.
L
Deputados aprovam criação de novos cargos para o concurso público da Assembleia

Deputados aprovam criação de novos cargos para o concurso público da Assembleia

Votação aconteceu durante sessão itinerante extraordinária, em Ji-Paraná.
L
VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal-Porto Velho

VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

Os atendimentos presenciais serão realizados das 07h30 às 13h30 para os que não possuem acesso à internet.
L
Publicidade

POLÍTICA

Deputado Edevaldo Neves fomenta debate sobre necessidade de concurso na PM de Rondônia

Deputado Edevaldo Neves fomenta debate sobre necessidade de concurso na PM de Rondônia

O requerimento destaca a defasagem significativa no quadro de servidores efetivos da Polícia Militar de Rondônia, ocasionada por aposentadorias, exonerações e óbitos ao longo dos anos
L

Rondônia Rural Show: Agricultura familiar de Rondônia é destaque nacional e Lebrinha apresenta incentivos ao setor

A deputada Lebrinha concentrou esforços nas necessidades das associações de produtores rurais, em parceria com a Emater/RO.
L

Assembleia Legislativa entrega votos de louvor à policiais na Rondônia Rural Show

Solenidade foi proposta pelo deputado estadual Ribeiro do Sinpol.
L

Dra. Taíssa indica aquisição de antenas Starlink em escolas rurais de Rondônia

Iniciativa busca promover igualdade de oportunidades educacionais em áreas remotas do esta
L
Cláudia de Jesus solicita aplicação da lei de cotas em concurso da Alero

Cláudia de Jesus solicita aplicação da lei de cotas em concurso da Alero

Proposta visa reservar 20% das vagas para negros no concurso público previsto para este ano.
L
Publicidade

POLÍCIA

FICCO/RO prende em flagrante envolvidos em transporte ilegal de ouro

Eles transportavam aproximadamente 3,8 quilos de ouro explorado clandestinamente
10

DENÚNCIA: Três são detidos com drogas em residência na zona leste

Na abordagem, os três suspeitos foram flagrados embalando vários entorpecentes.
10

Bandidos tentam matar empresário a tiros no Cristal da Calama

O crime será investigado pela Polícia Civil.
14

RESULTADO: BPTAR recaptura dois forgidos em primeiro patrulhamento

Ambos foram encaminhados ao Departamento de Flagrante
10
Operação Corpus Christi: PRF alerta motoristas sobre os riscos das ultrapassagens indevidas

Operação Corpus Christi: PRF alerta motoristas sobre os riscos das ultrapassagens indevidas

Infrações por realizar manobras em locais proibidos aumentaram 8,76% nos primeiros quatro meses de 2024; ultrapassagens proibidas também provocaram 519 sinistros de trânsito e 129 mortes.
L
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Lula: com qualidade, escola pública atrairá estudantes de classe média

Lula: com qualidade, escola pública atrairá estudantes de classe média

Presidente participou da apresentação de dados sobre alfabetização
L
CNJ divulga pesquisa sobre igualdade racial e de gênero na Justiça

CNJ divulga pesquisa sobre igualdade racial e de gênero na Justiça

No Brasil tem 14,25% de juízes que se declaram negros, diz pesquisa
L
Desigualdade é barreira para desenvolvimento humano, diz orgão da ONU

Desigualdade é barreira para desenvolvimento humano, diz orgão da ONU

Estudo mostra impactos sofridos por países na pandemia de covid-19
L
CAARO beneficia mais de 120 advogadas com auxílio-maternidade 

CAARO beneficia mais de 120 advogadas com auxílio-maternidade 

Este benefício inclui a entrega de um kit com itens essenciais para o recém-nascido e o pagamento da anuidade da OAB-RO para a advogada.
L
Brasil conhece adversários da Copa do Mundo de futsal

Brasil conhece adversários da Copa do Mundo de futsal

Estreia será no dia 14 de setembro contra a seleção de Cuba
L
ATRAÇÃO NACIONAL - Nesta quarta tem MC Jvila, do Rio de Janeiro, no Baile Funk do O Monarka

ATRAÇÃO NACIONAL – Nesta quarta tem MC Jvila, do Rio de Janeiro, no Baile Funk do O Monarka

Vai ter serviço de Open Food das bebidas cerveja Brahma, refrigerante e água.
L
Comissão do Senado define sete projetos prioritários para o RS

Comissão do Senado define sete projetos prioritários para o RS

Propostas serão levadas ao presidente da Casa, Rodrigo Pacheco
L
Limpeza interna de Mercado Público de Porto Alegre é retomada

Limpeza interna de Mercado Público de Porto Alegre é retomada

Ainda não há prazo para reabertura do local para o comércio
L
Seleção vira sobre Japão e segue invicta na Liga das Nações Feminina

Seleção vira sobre Japão e segue invicta na Liga das Nações Feminina

Brasil enfrenta Países Baixos na quinta-feira (30), a partir das 8h30
L