SEGUNDA-FEIRA, 20/05/2024

Nota da DPU sobre Lei Nº 14.843/2024, que trata sobre restrição das saídas temporárias de presos

Confira!

Por Defensoria Pública da União (DPU) - 010

Publicado em 

Nota da DPU sobre Lei Nº 14.843/2024, que trata sobre restrição das saídas temporárias de presos - News Rondônia
Foto: Reprodução

Foi aprovada a Lei nº 14.843, de 11 de abril de 2024, que altera a Lei de Execução Penal, para dispor sobre a monitoração eletrônica das pessoas privadas de liberdade, prever a realização de exame criminológico para progressão de regime e restringir o benefício da saída temporária.

É de conhecimento geral que o Brasil possui a terceira maior população prisional do mundo, com aproximadamente 700 mil pessoas privadas de liberdade, tendo uma parcela expressiva submetida a tratamento desumano e degradante em unidades prisionais superlotadas.

Nessa perspectiva, o Supremo Tribunal Federal, na ADPF 347, ao analisar a situação carcerária no Brasil, por unanimidade, reconheceu “a existência de um cenário de violação massiva de direitos fundamentais no sistema prisional Brasileiro, em que são negados aos presos, por exemplo, os direitos à integridade física, alimentação, higiene, saúde, estudo e trabalho. Afirmou-se que a atual situação das prisões compromete a capacidade do sistema de cumprir os fins de garantir a segurança pública e ressocializar os presos”. Portanto, reconheceu que “há um estado de coisas inconstitucional no sistema carcerário Brasileiro.”

Com o argumento de acautelar a segurança pública a Lei nº 14.843/2004, optou-se pela imposição generalizada de monitoração eletrônica e pela retomada da obrigatoriedade da realização de exame criminológico para a concessão de progressão de regime e outros benefícios. Note-se que o exame havia sido deixado de ser obrigatório na reforma da lei de execução penal em 2003, por ter-se revelado ineficiente, mesmo quando determinado de forma fundamentada pelo juízo de execução penal no caso concreto.

O Conselho Federal de Psicologia, instituição representativa de classe que estuda cientificamente a mente e o comportamento das pessoas, é contrário ao exame criminológico como posto na lei.

Não bastassem os impactos sociais e anticientíficos mencionadas, não houve estudo da repercussão financeira para a implantação dessas medidas, que acarretarão um gasto público relevante a ser suportado, em maior monta, pelos Estados federados em decorrência da compra e manutenção de grande quantidade de tornozeleiras eletrônicas para viabilizar o monitoramento de apenadas e apenados, assim como pela contratação de profissionais para a realização dos exames criminológicos.

Convém ressaltar, no entanto, que, além de manter injustificada e automaticamente a presa e o preso por mais tempo e, repita-se, em situação desumana,  as alterações propiciadas pela Lei nº 14.843/2024 afrontam tanto o princípio da dignidade da pena, que garante a presas e presos o respeito à sua integridade física e moral (artigo 5º, XLIX, da CRFB) quanto o princípio da individualização da pena (artigo 5º, XLVI e XLVII, da CRFB), por limitar progresso na ressocialização de apenadas e apenados apesar de seu bom comportamento.

Igualmente, a vedação generalizada do instituto da saída temporária – direito da pessoa em regime semiaberto, com bom comportamento, sair do presídio por sete dias, em datas predefinidas, cinco vezes ao ano, como parte de sua ressocialização – viola o princípio da individualização da pena (artigo 5º, XLVI e XLVII, da CRFB), tendo como resultado flagrantemente inconstitucional a inviabilização da ressocialização dessas pessoas para o retorno ao convívio social, tal como estabelecida na própria Lei de Execuções Penais (artigo 10).

A importância da saída temporária é central na reintegração social da presa e do preso, que ocorre paulatinamente até o término do cumprimento da pena. Dados oficiais e seguros fornecidos pelos Estados federados dão conta de que 95% dos presos que fruem do direito de saída temporária retornam ao cárcere após o prazo judicialmente estabelecido, caracterizando-se seu descumprimento como exceção.

O convívio familiar, proporcionado pelo instituto em questão, permite que a pessoa presa retorne ao lar e retome seus laços de afeto por um breve período. É evidente o papel da família na ressocialização da pessoa privada de liberdade, classificada pela Constituição como base da sociedade e merecedora de especial proteção do Estado (artigo 226).

A medida limitadora da saída temporária já consagrada pelo tempo e pela Constituição Federal de 1988 poderá ocasionar instabilidade no sistema prisional Brasileiro.

O Excelentíssimo Senhor Presidente da República, sensível à importância da saída temporária para a ressocialização das pessoas apenadas, vetou parte da Lei nº 14.843, de 11 de abril de 2024. A manutenção do veto garantirá a saída temporária e o direito ao trabalho externo a quem não tenha sido condenado por crimes hediondos, nem por delitos cometidos com violência ou grave ameaça à pessoa, demonstre bom comportamento e se mostre capaz, em acurada análise processual caso-a-caso, de retomar o convívio social e, sobretudo, familiar.

Por todas essas razões técnico-jurídicas e criminológicas, a Defensoria Pública da União, instituição permanente e essencial à função jurisdicional do Estado, como instrumento do regime democrático, destinada à defesa dos direitos humanos e fundamentais, manifesta-se favoravelmente à manutenção do veto parcial do Excelentíssimo Senhor Presidente da República à Lei nº 14.843, de 11 de abril de 2024.

Brasília/DF, 16 de abril de 2024

DEFENSORIA PÚBLICA-GERAL DA UNIÃO

Publicidade
Publicidade

NEWS QUE VOCÊ VAI QUERER LER

ALE-RO contrata ex-atleta de vôlei por R$ 118 mil para palestrar na Rondônia Rural Show Internacional

O ex-atleta foi contratado para realizar uma palestra intitulada “A vida é um jogo”, na próxima quarta-feira (22), no Centro Tecnológico Vandeci Rack, em Ji-Paraná, interior de Rondônia.
L

Avião de pequeno porte cai dentro de um rio no Acre, em Tarauacá: Ninguém morreu

A aeronave Cessna 150 saiu do município do Jordão, distante 811 km de Rio Branco.
L
Orangotango usa planta medicinal para tratar ferida e surpreende cientistas

Orangotango usa planta medicinal para tratar ferida e surpreende cientistas

Ele então começou a mastigar uma trepadeira, planta conhecida por ter propriedades antiinflamatórias e analgésicas.
L
Expectativa para este ano é ultrapassar o volume de negócios do ano passado, afirma o governador sobre a RRShow

Expectativa para este ano é ultrapassar o volume de negócios do ano passado, afirma o governador sobre a RRShow

A Rondônia Rural Show Internacional segue sua programação até sábado, e a entrada é franca.
L
Abrigo feminino cria berçário para acolher mães de bebês no RS

Abrigo feminino cria berçário para acolher mães de bebês no RS

A missão do berçário é uma só, levar um pouco de conforto em meio ao caos no RS.
L
Publicidade

DESTAQUES NEWS

Primeira etapa do Circuito Rondônia de Pesca Esportiva acontece nos dias 1 e 2 junho

Primeira etapa do Circuito Rondônia de Pesca Esportiva acontece nos dias 1 e 2 junho

Torneio de pesca embarcada será realizado no rio Madeira, em Jaci-Paraná, e a segunda etapa será em Porto Rolim, dias 29 e 30 de junho
L

#AgendaNews | Entrevista Deivide Souza – Barbeiro Empreendedor

Com 11 anos de carreira, Deivide é o fundador da Elite Barber Tattoo, uma barbearia e estúdio de tatuagem de prestígio.
L

Música tema da Rondônia Rural Show é apresentada e faz até o governador mexer o esqueleto

A música escrita por ele, foi entoada em ritmo sertanejo.
L

Programa Giro News entrevista: Robson Damasceno Júnior, pré-candidato

Nesta segunda-feira, dia 20, às 16h35, o programa Giro News traz uma entrevista exclusiva com Robson Damasceno Júnior, pré-candidato a vereador de Porto Velho.
L

Marcos Rocha abre a RRSI de óculos escuros e esclarece: “Deu um probleminha na cirurgia ocular”

Em seu discurso, Rocha justificou que havia passado por cirurgia nos olhos, para eliminar a catarata.
L
Publicidade

EMPREGOS E CONCURSOS

Sine Municipal de Porto Velho tem novas vagas disponíveis

55 vagas para diversos níveis de escolaridade
L
VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

Os atendimentos presenciais serão realizados das 07h30 às 13h30 para os que não possuem acesso à internet
L
VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

Os atendimentos presenciais serão realizados das 07h30 às 13h30 para os que não possuem acesso à internet
L
Taxa de desemprego fica em 7,9%; índice é o menor em 10 anos

Taxa de desemprego fica em 7,9%; índice é o menor em 10 anos

Desocupação trimestral recua em 21 estados e no Distrito Federal
L
VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

Os atendimentos presenciais serão realizados das 07h30 às 13h30 para os que não possuem acesso à internet
L
Publicidade

POLÍTICA

Vereador Everaldo Fogaça destaca assinatura do contrato histórico para coleta de lixo com a Eco Rondônia - Marquise

Vereador Everaldo Fogaça destaca assinatura do contrato histórico para coleta de lixo com a Eco Rondônia – Marquise

Marquise Porto Velho deu um passo significativo na gestão de resíduos sólidos com a assinatura do contrato com a empresa Eco Rondônia – Marquise.
L
Em Rondônia, Cristiane Lopes coordena o Projeto “Defesa Lilás” que capacita mulheres para a participação política em 2024

Em Rondônia, Cristiane Lopes coordena o Projeto “Defesa Lilás” que capacita mulheres para a participação política em 2024

Segunda edição do evento promove a participação política das mulheres e destaca a importância do engajamento feminino no cenário político
L

Marcelo Cruz valoriza papel dos deputados estaduais para o fortalecimento da agricultura familiar

Parlamentar participou da solenidade de abertura no Centro Tecnológico Vandeci Rack.
L

Dra Taíssa indica ao DER a recuperação da rodovia 471, em Ministro Andreazza

Via apresenta falta de sinalização, além de muitos buracos.
L
Publicidade

POLÍCIA

Motociclista bate em pilar de madeira em acidente no Três Marias

Segundo testemunhas, o motociclista seguia sentido Guaporé, quando desviou de um carro modelo Argo que estava a frente, perdeu o controle da direção e bateu contra um pilar de madeira na calçada
12
polícia

Ex-presidiário acusado de roubo é atacado a tiro na BR-319 em Porto Velho

O rapaz foi socorrido às pressas para a UPA, onde a PM foi acionada para fazer o registro do ocorrido.
12

Celta invade cruzamento e causa grave acidente com motociclista

A vítima teve algumas lesões e foi socorrida pelo Samu para uma unidade médica.
12
Casa foi atingida por incêndio que pode ter origem criminosa, em Costa Marques

Casa foi atingida por incêndio que pode ter origem criminosa, em Costa Marques

Os policiais constataram que o fogo ainda não havia atingido a parte dos fundos da residência e com ajuda de populares, foi retirado o máximo de bens materiais que estava na casa.
10
Motorista desvia de motocicleta e morre após bater em árvore

Motorista desvia de motocicleta e morre após bater em árvore

As informações levantadas no local indicam que a vítima dirigia sua caminhonete na Avenida Jaru, sentido à BR-364, quando desviou de um motociclista e perdeu o controle do veículo.
18
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Metallica doa 100 mil dólares para vítimas das enchentes no RS; saiba como ajudar!

Metallica doa 100 mil dólares para vítimas das enchentes no RS; saiba como ajudar!

Foram os próprios membros que decidiram como as doações seriam organizadas na época.
L
RS: prefeitura de Roca Sales estuda realocar cerca de 40% da população

RS: prefeitura de Roca Sales estuda realocar cerca de 40% da população

Medida é necessária para aumentar segurança e evitar novas tragédias
L
Flávio Dino mantém afastamento de desembargadores do TRF4

Flávio Dino mantém afastamento de desembargadores do TRF4

Ambos foram afastados pelo CNJ por descumprimento de decisão do STF
L

TRANSFERÊNCIA DE RENDA: Bolsa Família chega a 126,2 mil famílias de Rondônia em maio

Valor médio recebido pelos beneficiários no estado é de R$ 691,81. Cronograma de pagamentos segue até o dia 31
L
Moraes suspende lei municipal que proibia linguagem neutra nas escolas

Moraes suspende lei municipal que proibia linguagem neutra nas escolas

Norma previa responsabilizações civis e penais
L
Regras de distribuição de prêmios de sorteios são flexibilizadas no RS

Regras de distribuição de prêmios de sorteios são flexibilizadas no RS

Medida reduzirá impacto de enchentes sobre promoções comerciais
L
Projeto da USP estimula o interesse de meninas pelas ciências exatas

Projeto da USP estimula o interesse de meninas pelas ciências exatas

Estudantes pretas, pardas e indígenas têm 20% das vagas
L
Simero avança na defesa da valorização da classe médica em reunião com a deputada estadual Taíssa Sousa

Simero avança na defesa da valorização da classe médica em reunião com a deputada estadual Taíssa Sousa

A deputada Dra. Taíssa, demonstrando solidariedade à causa, comprometeu-se a analisar todos os itens apresentados e a apoiar a classe médica em suas reivindicações.
L

Requerimento da Licença Ambiental: 45.878.962 MARCIO DA SILVA ROQUE

 Licença Ambiental – (Modo Simplificado)
L