QUARTA-FEIRA, 22/05/2024

Estudo mostra como sistemas alimentares agravam e enraízam iniquidades

Sociedade trata desigualdades de forma generalizada, diz pesquisadora.

Por Paula Laboissière – Repórter da Agência Brasil - 20

Publicado em 

Estudo mostra como sistemas alimentares agravam e enraízam iniquidades
Fernando Frazão/Agência Brasil
Desigualdades de raça, gênero e classe social contribuem para diversas violações do direito à alimentação e à nutrição adequadas, afetando de forma mais intensa negros, mulheres e crianças, além de pessoas com mais baixa renda. A conclusão é do estudo Prato do Dia: Desigualdades. Raça, Gênero e Classe nos Sistemas Alimentares, divulgado pela Organização pelo Direito Humano à Alimentação e à Nutrição Adequadas (Fian). Estudo mostra como sistemas alimentares agravam e enraízam iniquidades - News RondôniaEstudo mostra como sistemas alimentares agravam e enraízam iniquidades - News Rondônia

O trabalho foi conduzido entre 2022 e 2023 por cinco pesquisadores e analisa dados pré-pandemia (período entre 2017 e 2018) coletados pela Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), além de textos públicos de organizações de diferentes setores da sociedade – comercial, movimentos sociais, entidades profissionais e academia.

Em entrevista à Agência Brasil, a coordenadora do estudo, Veruska Prado, destacou que as desigualdades no acesso, no consumo e na produção de alimentos atualmente são tratadas de forma generalizada e, em alguns momentos, até mesmo naturalizadas. “O tema das desigualdades de raça, gênero e classe está presente no discurso de diferentes segmentos da sociedade brasileira. A grande questão é que isso é algo que está tão presente na formação do Brasil e no cotidiano dos brasileiros e brasileiras.”

“Todos nós, quando saímos de casa, acabamos vendo pessoas em situação de rua, sabemos de pessoas que estão passando fome e outras violações aos direitos humanos a que a gente cotidianamente assiste. Isso está um pouco naturalizado, como se fosse uma situação impossível de ser modificada. Então, o tema é tratado”, disse Veruska.

A pesquisadora alerta para a necessidade de uma abordagem mais específica nas falas sobre desigualdades relacionadas ao acesso à alimentação. “Todas as organizações da sociedade civil, sejam aquelas vinculadas ao setor privado, ao setor público, aos movimentos sociais e à academia trazem esse tema. No entanto, essa forma de trazer está generalizada e não é específica. A questão da alimentação, por interferência de raça, gênero e classe social, mesmo dentro desse grupo, precisa ter olhares diferenciados.”

“Há, dentro desse grupo de pessoas em situação de maior vulnerabilidade para segurança alimentar, pessoas ou grupos de indivíduos que têm riscos maiores de isso acontecer em suas vidas. Por que isso acontece? A explicação que a gente está trazendo é que são questões estruturais no Brasil relacionadas à raça, gênero, desigualdades existentes no acesso ao mercado de trabalho e na garantia de meios para a sobrevivência e vida digna.”

Veruska lembrou que o período analisado no estudo inclui a fase anterior à pandemia de covid-19 e disse que, mesmo naquela época, já havia indicativos de que lares chefiados por mulheres, por exemplo, vivenciavam fome e outras formas de insegurança alimentar, como o medo de não ter acesso ao alimento até o final. Outra realidade identificada pelos pesquisadores nesse período inclui adaptações alimentares nas famílias, como quando a mulher passar a comer menos pra que as crianças possam manter sua alimentação.

“No mundo de hoje e no Brasil que a gente tem, pós-pandemia, com o tanto de gente que ainda está em situação de fome, não dá mais para a gente tratar as desigualdades do ponto de vista de algo generalizado na população. Dentro das pessoas que estão passando fome e em situação de insegurança alimentar, com violação do seu direito humano à alimentação e nutrição adequadas, é fundamental que a gente seja mais assertivo e específico nas nossas ações”, concluiu.

Publicidade
Publicidade
ELEIÇÕES
Publicidade

NEWS QUE VOCÊ VAI QUERER LER

Transmissão ao Vivo: 11ª Rondônia Rural Show Internacional

Não Perca! Acompanhe agora a apresentação de Bruno Eduardo ao vivo diretamente do maior evento de agronegócios da região Norte!
L

Rondônia tem a 4ª maior taxa de internações por Leptospirose da região Norte, aponta CLP

Os casos são relativamente baixos; geralmente estão relacionados ao acúmulo de água parada e à precariedade dos serviços de saneamento básico.
L

Marcos Rocha cria relações internacionais sólidas com outros países e gera possibilidade de mais negócios para Rondônia

As pontes comerciais e de relacionamento criadas pelo governador Marcos Rocha com outros países, convergem para a Rondônia Rural Show.
L

UNIR sugere, mas conselheiros rejeitam cancelar o ano letivo de 2024

Com “não” da maioria, proposta foi negada. Greve é mantida.
L
Prefeitura de Jaru constrói rede de drenagem na Rua Raimundo Barreto; serviço integra obras pavimentação da via

Prefeitura de Jaru constrói rede de drenagem na Rua Raimundo Barreto

O serviço integra obras pavimentação da via
L
Publicidade

DESTAQUES NEWS

Quase 40 cidades de Rondônia estão liberadas para que empresas ativem a faixa do 5G

O Estado de Rondônia foi contemplado nesta leva com 39 municípios.
L

Na RRS Internacional, Marcos Rocha anuncia a antecipação do salário dos funcionários públicos de Rondônia

O dinheiro já vai entrar nas contas dos servidores na próxima sexta-feira (24)
L
Rio Grande do Sul precisará de R$ 1 bilhão para recuperar turismo

Rio Grande do Sul precisará de R$ 1 bilhão para recuperar turismo

Governador volta a pedir benefício para empresas afetadas pelas cheias
L

#InFoco | Entrevista Giovanny A. Oliveira e Felipe Rosell, estudantes de direito

Marcelo Régis conduzirá a conversa, explorando a trajetória acadêmica e as atividades na Atlética.
L
Publicidade

EMPREGOS E CONCURSOS

VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

Os atendimentos presenciais serão realizados das 07h30 às 13h30 para os que não possuem acesso à internet
L
VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

Os atendimentos presenciais serão realizados das 07h30 às 13h30 para os que não possuem acesso à internet
L

Sine Municipal de Porto Velho tem novas vagas disponíveis

55 vagas para diversos níveis de escolaridade
L
VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

Os atendimentos presenciais serão realizados das 07h30 às 13h30 para os que não possuem acesso à internet
L
VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

Os atendimentos presenciais serão realizados das 07h30 às 13h30 para os que não possuem acesso à internet
L
Publicidade

POLÍTICA

CORONEL CHRISOSTOMO: Deputado se reúne com Jair Bolsonaro para discutir posição do PL nas eleições municipais de RO.

Deputado se reúne com Jair Bolsonaro para discutir posição do PL nas eleições municipais de RO

Estratégia é ter candidaturas próprias a prefeito e apoio a nominatas de vereadores.
L

Deputado Alan Queiroz participa da entrega de equipamentos hospitalares no Hospital Santa Marcelina

Emenda parlamentar destinada foi de quase R$ 500 mil para aquisição dos novos aparelhos.
L

Dra Taíssa destaca que Rondônia Rural Show Internacional mostra evolução do agronegócio no estado

Feira traz o tema: “Agricultura da Amazônia”, que representa o progresso na produção de alimentos em Rondônia.
L
Ieda Chaves participa da Rondônia Rural Show e destaca investimento no setor turístico

Ieda Chaves participa da Rondônia Rural Show e destaca investimento no setor turístico

Feira voltada potencializa setores do agronegócio e promove negócios no estado.
L
Dra. Taíssa fomenta agronegócio em Rondônia com mais R$ 2 milhões em emendas parlamentares

Dra. Taíssa fomenta agronegócio em Rondônia com mais R$ 2 milhões em emendas parlamentares

Guajará-Mirim, Nova Mamoré, distrito de Nova Dimensão, Nova Califórnia e União Bandeirantes foram beneficiados em 2023.
L
Publicidade

POLÍCIA

Urgente: PM salva homem que era torturado e prende suspeito no Morar Melhor

Urgente: PM salva homem que era torturado e prende suspeito no Morar Melhor

Em seguida, foi socorrido para o Hospital João Paulo II.
12
Estava de boa: Integrante do “Novo Cangaço” é preso comprando peixe na zona leste

Estava de boa: Integrante do ‘Novo Cangaço’ é preso comprando peixe na zona leste

O foragido estava com dois mandados de prisão.
10

Professora é agredida por autista, registra BO e família é intimada

A aluna tem 12 anos, com Transtorno do Espectro Autista (TEA), nível de suporte 3, não oralizada (não fala).
10

Carro bate de frente com bicicleta e deixa criança ferida no centro de Porto Velho

O fato aconteceu no cruzamento das ruas Benjamin Constant com Rafael Vaz e Silva, no bairro São Cristóvão, em Porto Velho.
10
CICLO DA MORTE: Polícia Civil deflagra operação e cumpre mandados de busca e apreensão em Vilhena

CICLO DA MORTE: Polícia Civil deflagra operação e cumpre mandados de busca e apreensão em Vilhena

Operação Ciclo da Morte mobilizou 14 policiais e foi comandada por dois delegados.
10
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Recebimento da Licença Ambiental: CASA DA ROCADEIRA E SERVICOS MULTIMARCAS LTDA

Licença Ambiental Simplificada SUL 247°
L

Recebimento da Licença Ambiental: ELIAS DIESEL TRUCK LTDA

Licença Ambiental de Operação SUL 105
L

Requerimento da Licença Ambiental: LUIZ MORAES DE SOUSA

Licença Ambiental Simplificada
L

Requerimento da Licença Ambiental: F1 CONSTRUCOES E NAUTICA LTDA

LICENÇA AMBIENTAL PREVIA, INSTALAÇÃO E OPERAÇAO
L
Ventosa ajuda a coletar sangue de quem tem medo de agulha

Ventosa ajuda a coletar sangue de quem tem medo de agulha

Os pesquisadores criaram o dispositivo inspirados no comportamento de sanguessugas.
L
Homem que varria tapete vermelho de Cannes estreia como cineasta no festival

Homem que varria tapete vermelho de Cannes estreia como cineasta no festival

Desde então, David foi crescendo até decidir registrar oficialmente o primeiro documentário.
L
Receita Federal lança sistema para proteger CPF contra golpes; veja como usar

Receita Federal lança sistema para proteger CPF contra golpes; veja como usar

Um dos golpes aplicados por criminosos no Brasil é a inserção do CPF de vítimas em sociedades e empresas.
L
Projeto aprovado na Câmara criminaliza luta por terra, critica MST

Projeto aprovado na Câmara criminaliza luta por terra, critica MST

Proposta ainda precisa passar pelo Senado
L
Governo começa a reestruturar saúde digital no Rio Grande do Sul

Governo começa a reestruturar saúde digital no Rio Grande do Sul

Núcleo do estado terá 1.500 equipamentos substituídos
L