QUARTA-FEIRA, 19/06/2024

Orçamento de ações para primeira infância sobe 38,3% em 2023

Pouco mais da metade dos recursos vão para o Bolsa Família.

Por Wellton Máximo – Repórter da Agência Brasil - 20

Publicado em 

Orçamento de ações para primeira infância sobe 38,3% em 2023
Marcello Casal JrAgência Brasil

Após anos de estrangulamento, o orçamento das ações para a primeira infância (crianças de até 6 anos) foi ampliado em 2023. Segundo relatório repassado com exclusividade para a Agência Brasil pela Secretaria de Orçamento Federal (SOF) do Ministério do Planejamento, a dotação subiu de R$ 19,606 bilhões no ano passado para R$ 27,109 bilhões neste ano, alta de 38,3%.Orçamento de ações para primeira infância sobe 38,3% em 2023 - News RondôniaOrçamento de ações para primeira infância sobe 38,3% em 2023 - News Rondônia

“O relatório mostra que há um esforço governamental para garantir materialidade às políticas públicas de enfrentamento a alguns dos maiores problemas enfrentados por este público no Brasil: a pobreza e os riscos a ela associados, como mortalidade infantil, desnutrição crônica e atrasos no desenvolvimento físico e intelectual”, ressaltou a SOF no documento.

Na divisão por pastas, o Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social lidera o Orçamento, com R$ 14,9 bilhões disponíveis (54,97% do total). Em seguida, vêm os ministérios da Saúde, com R$ 9,612 bilhões (35,46%); e da Educação, com R$ 2,552 bilhões (9,41%). O restante está distribuído pelas seguintes pastas: Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania (0,07%), Ministério da Justiça e Segurança Pública (0,06%), Ministério das Mulheres (0,03%) e Ministério dos Povos Indígenas (0,003%).

Outros três ministérios – Igualdade Racial, Cultura e Esporte – informaram ao Ministério do Planejamento não haver programação orçamentária para a primeira infância no exercício atual. No governo anterior, essas pastas estavam incorporadas a ministérios que executavam políticas para a primeira infância.

Em relação às agendas listadas no Plano Plurianual (PPA) como prioritárias, as ações ligadas ao Bolsa Família (e ao antigo Auxílio Brasil) encabeçam as verbas em 2023, com 52,87% dos cerca de R$ 27 bilhões. As ações de promoção de cidadania concentram R$ 8,544 bilhões (31,52%), e as voltadas à inclusão social respondem por R$ 5,789 bilhões (21,35%). Em terceiro lugar, vêm a agenda de atenção especializada à saúde, com R$ 5,495 bilhões (20,27%).

VALE ESTE primeira infância distribuicao_dotacao1
Arte/Agência Brasil

Evolução

Por causa das alterações na estrutura dos ministérios e da nomenclatura de programas, não é possível comparar a evolução de 2022 para 2023. No entanto, em dois ministérios que não se fundiram nem se desmembraram na mudança de governo, é possível traçar a evolução do orçamento para a primeira infância em relação ao valor executado no ano passado.

No Ministério da Saúde, o orçamento para 2023 destina R$ 9,612 bilhões para ações voltadas à primeira infância, alta de 37,5% em relação aos R$ 6,992 bilhões executados em 2022. O Ministério da Educação conta com R$ 2,552 bilhões neste ano, 72,4% a mais que os R$ 1,48 bilhão executados em 2022. No caso do Ministério da Cultura, que não tem recursos previstos para este ano, não houve execução no ano passado pelo Ministério do Turismo, ao qual estava subordinada a antiga Secretaria de Cultura.

Execução

A Secretaria de Orçamento Federal também analisou a execução orçamentária das ações para a primeira infância em 2022. No ano passado, o governo pagou R$ 18,719 bilhões dos R$ 19,606 bilhões previstos no Orçamento, o equivalente a 95,47% do previsto.

VALE ESTE primeira infância execucao_orcamentaria1
Arte/Agência Brasil

Apesar de alta, alguns programas registram baixa execução. No Ministério da Cidadania, responsável pelas políticas sociais no governo anterior, o Programa Segurança Alimentar e Nutricional executou R$ 4,8 milhões, pouco mais da metade (51,6%) da verba total de R$ 9,3 milhões. O programa voltado à educação infantil gastou R$ 178,44 milhões, 35,5% de um total de R$ 502,28 milhões.

No Ministério da Saúde, o Programa Vigilância em Saúde, que tinha orçamento de R$ 677,5 milhões, gastou R$ 314,5 milhões (46,4%). No antigo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, não houve execução de verbas para políticas de apoio à implementação de centros de atendimento a mulheres, de um total previsto no orçamento de R$ 590 mil.

Nas ações de promoção da Política Nacional de Justiça, do Ministério da Justiça, os gastos voltados à primeira infância somaram apenas R$ 80 mil, 17% de um orçamento de R$ 470 mil. Entre as atribuições desse programa, estão o enfrentamento ao tráfico de pessoas, a classificação indicativa de programação, e a democratização do acesso à justiça e cidadania.

Mesmo com algumas restrições, o relatório mostra avanços ao avaliar a “execução física” (entrega de resultados). O Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) já atendeu a mais de 7 milhões de estudantes em creches e pré-escolas. Entre as crianças indígenas, 40% dos bebês de até 1 ano tiveram acesso às consultas de crescimento e desenvolvimento e quase 90% das crianças de até 5 anos tiveram acompanhamento do estado alimentar e nutricional. O Benefício de Prestação Continuada (BPC) na escola atende atualmente 82,5 mil crianças de até 6 anos.

Desafios

O documento cita alguns desafios para o Ministério do Planejamento identificar, no emaranhado do Orçamento, as ações e os eixos específicos relativos à primeira infância. Para reduzir as distorções causadas pelas ações orçamentárias com grandes volumes de recursos, das quais apenas uma fração dos gastos se destina à área, o relatório calculou o orçamento total do programa ponderado pela participação das crianças de até 6 anos na população brasileira.

O peso dessa faixa etária foi calculado com base na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad) do quarto trimestre de 2022. Esse método foi usado para estimar o gasto total com a primeira infância nas despesas classificadas como não exclusivas (não restritas à primeira infância) e de natureza difusa (sem natureza específica). “Isso vai ao encontro das conclusões de diferentes estudos que mostram como a garantia de direitos para a faixa etária de 0 a 6 anos é crucial para o desenvolvimento humano”, ressaltou a pasta.

Marco legal

Definidas como as políticas públicas para os seis primeiros anos de vida, as ações voltadas à primeira infância obedecem a um marco legal específico. Por determinação do PPA 2020–2023 e das Leis de Diretrizes Orçamentárias de 2021, 2022 e 2023, essas ações são classificadas como prioridade orçamentária.

Além da importância destacada no Orçamento, três dispositivos legais orientam a elaboração de uma agenda “transversal e multissetorial” (que abrange vários ministérios). O primeiro é a Lei 13.257/2016, que estabelece as diretrizes e parâmetros de avaliação das políticas públicas para a primeira infância.

Em 2021, o Decreto 10.770 instituiu a agenda transversal, especificando os ministérios partícipes e sua responsabilidade na prestação de informações e nos resultados das políticas. No ano passado, uma portaria do antigo Ministério da Economia regulamentou aapresentação das informações e a classificação das despesas.

Publicidade
Publicidade
ELEIÇÕES
Publicidade
Publicidade
ELEIÇÕES

NEWS QUE VOCÊ VAI QUERER LER

União pagou R$ 1,17 bilhão de dívidas de estados em maio

União pagou R$ 1,17 bilhão de dívidas de estados em maio

Dados foram divulgados nesta segunda pelo Tesouro Nacional
L
Dólar sobe para R$ 5,42 às vésperas do Copom

Dólar sobe para R$ 5,42 às vésperas do Copom

Bolsa de valores cai 0,44% e continua no menor nível em sete meses
L
Caixa paga Bolsa Família a beneficiários com NIS de final 2

Caixa paga Bolsa Família a beneficiários com NIS de final 2

Com adicionais, valor médio do benefício está em R$ 683,75
L
Mega-Sena sorteia nesta terça-feira prêmio acumulado em R$ 53 milhões

Mega-Sena sorteia nesta terça-feira prêmio acumulado em R$ 53 milhões

Apostas podem ser feitas até as 19h, no horário de Brasília
L
Financiamento de veículos cresce 15,4% em maio

Financiamento de veículos cresce 15,4% em maio

Aumento foi verificado na comparação com o mesmo período de 2023
L
Publicidade

DESTAQUES NEWS

Em encontro com Lula, diretor-geral da PF faz balanço das ações de combate aos crimes na Amazônia

Em apenas um ano de governo, ações inutilizaram mais de 750 dragas do garimpo ilegal de ouro.
L

#TudoPodE | Entrevista Sabrina Barros, proprietária da Finnas Academia

Na quarta-feira, dia 18, às 18h, o PodCast Tudo PodE trará Fábio Camelo entrevistando Sabrina Barros.
L

Rondônia têm o 3° maior número de estações de recarga para veículos elétricos do Norte

Esse número acompanha a adesão de carros eletrificados em todo o território nacional, segundo dados divulgados na semana passada.
L

Rondônia em 3° lugar no ranking dos estados com maior volume de crédito em relação ao PIB

Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (17) em uma plataforma social e teve base informações do Banco Central e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
L

#ComunidadeNews | Entrevista Dr. Clever Custodio, pré-candidato a vereador de Porto Velho

Nesta terça-feira, dia 18, às 16h35, o programa Comunidade News, apresentado por Carlos Oliveira.
L
Publicidade

EMPREGOS E CONCURSOS

Inscrições no concurso UNIR 2024 encerram nesta quinta-feira, dia 20

São ofertadas 74 vagas para servidores técnico-administrativos nos níveis médio e superior.
L

Grande rede de restaurantes espera por candidatos à vaga de atendimento até esta quinta-feira (20)

As vagas são para primeiro emprego ou pessoas sem experiência
L

Sine Municipal de Porto Velho anuncia 104 vagas de trabalho

Vagas têm diferentes pré-requisitos que devem ser observados
L
VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

VAGAS DE EMPREGO: confira as vagas ofertadas pelo Sine Municipal Porto Velho

Os atendimentos presenciais serão realizados das 07h30 às 13h30 para os que não possuem acesso à internet.
L

Concurso TRF 1ª Região: Oportunidade de carreira no Tribunal Regional Federal

Edital Oferece Vagas Imediatas e Cadastro de Reserva para Analista e Técnico Judiciário
L
Publicidade

POLÍTICA

Deputado Cássio Gois investe em agricultura familiar e entrega tendas para feira municipal de Ministro Andreazza

Deputado Cássio Gois investe em agricultura familiar e entrega tendas para feira municipal de Ministro Andreazza

Na última sexta-feira (14), o deputado estadual Cássio Gois (PSD) visitou o município de Ministro Andreazza, e em parceria com o Parlamento local e o Executivo municipal, ele busca fortalecer a agricultura familiar da região.
L

Comissão avalia PL que autoriza o acionamento da força policial para retirar invasores independente de ordem judicial

No início do mês, o Governo Federal, por meio da Força Nacional do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) fez a desintrusão na Terra Indígena Karipuna (TIKA), entre Porto Velho e Nova Mamoré.
L

Cinco parlamentares de Rondônia concorrem a prêmio de apoio à indústria: Confira os nomes

A categoria especial, Apoio à Indústria, será oferecida pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI).
L
Câmara de Vereadores e Portal da Transparência

Câmara de Vereadores e Portal da Transparência: Garantia de acesso à informação

Confira o Portal da Transparência!
L
Publicidade

POLÍCIA

ATUALIZADA: Apenado monitorado e namorada sofrem grave acidente durante fuga da PM na zona sul

Ambos foram socorridos pelo Samu ao Hospital João Paulo II.
12

TRÁFICO: Dono e gerente de boca de fumo são presos preparando drogas na zona leste

Após entrada na residência, os suspeitos foram flagrados preparando as drogas para distribuir nas bocas de fumo menores.
10

RECAPTURADO: BPTAR prende foragido com pistola furtada e munições na zona sul

Na pesquisa nominal, foi verificado que o suspeito estava com dois mandados de prisão em aberto.
10

ASSISTA: Vídeo mostra homem levando menina de 12 anos para abusar na vala

A Polícia Civil, com apoio da PM, conseguiu identificar e fazer a prisão do suspeito, que estava no bairro Agenor de Carvalho, e confessou ter cometido o crime.
16
PF deflagra a Operação Vigilantia para apurar tráfico de drogas em RO

PF deflagra a Operação Vigilantia para apurar tráfico de drogas em RO

Na ação, foram cumpridos dois mandados de prisão preventiva e quatro de busca e apreensão em Ji-Paraná
10
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Fifa oferece a federações-membros ferramenta de combate a abuso online

Fifa oferece a federações-membros ferramenta de combate a abuso online

Plataforma visa moderar discurso de ódio nas redes sociais
L

EDITAL DE CONVOCAÇÃO – AGO: ROTARY CLUB DE PORTO VELHO MADEIRA MAMORÉ

Rua Rui Barbosa nº 933 – bairro Arigolandia – Porto Velho-RO
L

Requerimento da Licença Ambiental: DERONDONIA FARMACEUTICA LTDA

LICENÇA AMBIENTAL SIMPLIFICADA (LAS)
L

Dia Mundial do Orgulho Autista: Celebrando a diversidade e conscientização

Objetivo é mudar a percepção social e valorizar as diferenças
L
UNINASSAU celebra sucesso na aprovação de acadêmicos na OAB

UNINASSAU celebra sucesso na aprovação de acadêmicos na OAB

UNINASSAU celebra sucesso na aprovação de acadêmicos na OAB.
L
UNINASSAU promove visita de acadêmicos ao Hospital Santa Marcelina

UNINASSAU promove visita de acadêmicos ao Hospital Santa Marcelina

O local é referência no estado devido ao atendimento aos pacientes com amputações de membros.
L
Deputada Federal Cristiane Lopes

Deputada Federal Cristiane Lopes Investe 3,3 Milhões no Projeto PCD + Mães Atípicas em Parceria com IFRO

A parlamentar tem a pauta das famílias atípicas como prioridade e pontua ser muito justo oferecer a essas famílias serviços de proteção, acompanhamento psicológico e terapêutico, com atenção integral à saúde, informação e formação.
L
Maioria do STF torna irmãos Brazão réus pelo assassinato de Marielle

Maioria do STF torna irmãos Brazão réus pelo assassinato de Marielle

Não há prazo para julgamento da ação penal
L
Moraes vota para tornar irmãos Brazão réus pela morte de Marielle

Moraes vota para tornar irmãos Brazão réus pela morte de Marielle

Quatro ministros da Primeira Turma do Supremo ainda vão votar
L
RS e BNDES negociam parceria estratégica sobre desastres ambientais

RS e BNDES negociam parceria estratégica sobre desastres ambientais

Para governador, tragédia expõe resiliência do estado
L