Segunda-Feira, 18 de Novembro de 2019 - 11:27 (Saude)

L
LIVRE

TÃO IMPORTANTE QUANTO DOAR SANGUE, ARMAZENAMENTO E TRANSPORTE DAS BOLSAS SÃO FUNDAMENTAIS PARA GARANTIR OS ESTOQUES DO PAÍS

Qualquer pessoa saudável, com idade entre 16 e 69 anos e pesando mais de 50 quilos, pode doar sangue.


Imprimir página

Celebrado no próximo 25 de novembro, o Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue auxilia os hemocentros brasileiros a abastecer seus estoques de sangue antes das férias e festas de fim de ano.

Qualquer pessoa saudável, com idade entre 16 e 69 anos e pesando mais de 50 quilos, pode doar sangue. Entretanto, por medo ou desinformação, apenas 1,6% da população brasileira doa sangue espontaneamente. Embora seja referência na América Latina e esteja na média da OMS, que deve ser entre 1% e 3% da população, o Brasil ainda enfrenta a escassez de doações, tanto pela falta de conscientização da população, apontada como um dos fatores preocupantes para os estoques nacionais, quanto por problemas no armazenamento e o transporte inadequado, processos que atrapalham a chegada de coletas em regiões mais distantes.

Para ajudar a manter essas bolsas de sangue sem alterações que possam diminuir sua eficácia, a Pelican BioThermal, líder mundial na fabricação de embalagens térmicas de alto desempenho, traz ao Brasil sua extensa gama de caixas reutilizáveis, como a Crēdo Cube™, que proporciona maior segurança, economia e sustentabilidade nas várias etapas da logística de produtos de cadeia fria e temperatura controlada.

Tanto a Crēdo Cube™ como todas as soluções da Pelican BioThermal apresentam capacidade de carga útil que varia de 2 a 900 litros e cobre as faixas de temperatura entre -50°C e +25°C, o que garante a distribuição precisa desses elementos termosensíveis.

Produzidas à base de nano partículas de fibra de carbono, fornecem isolamento e estabilidade térmica de pelo menos 96 horas, mesmo em condições severas. Esse material garante a temperatura constante, sem flutuação ou riscos de congelamento. E, por não utilizar gelo ou gelo seco, as dimensões externas ficam sensivelmente menores, o que reduz o custo do frete e elimina riscos de contaminações bacteriológicas pela água do gelo derretido. Com janela de transporte que pode chegar a até sete dias, permite ainda a substituição do modal aéreo pelo rodoviário.

Toda essa tecnologia foi desenvolvida a pedido do exército americano, especificamente para o transporte de bolsas de sangue em meio aos conflitos existentes no Oriente Médio.

“Os benefícios das nossas embalagens adicionam cinco dias na janela de tempo ao transporte realizado atualmente na maioria dos hemocentros, hospitais e laboratórios do país. Com essa manutenção de temperatura e conservação das bolsas de sangue por mais tempo, é possível que as doações cheguem em segurança, mesmo em condições climáticas severas, aos destinos mais longínquos”, conta Fabio Martins, CEO da Biothermal, representante da Pelican BioThermal no Brasil, Argentina e Chile.

A Pelican BioThermal é líder global em soluções de proteção térmica de alta performance para a indústria farmacêutica, pesquisa clínica, saúde diagnóstica, distribuição de medicamentos, transporte de órgãos, sangue, e outros produtos sensíveis a variações de temperatura.

Quem pode doar sangue

De acordo com a Fundação Pró-Sangue, qualquer pessoa saudável pode doar sangue. Entre os requisitos e impedimentos para a doação, estão:

Requisitos para a doação

- Estar em boas condições de saúde;

- Ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos;

- Pesar no mínimo 50kg;

- Estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas) e alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação).

Impedimentos temporários

- Resfriado: aguardar 7 dias após o desaparecimento dos sintomas;

- Gravidez: necessário um intervalo de 90 dias após o parto normal e 180 dias após cesariana;

- Lactantes: para o caso de partos ocorridos há menos de 12 meses;

- Ter ingerido bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação;

- Ter realizado tatuagem nos últimos 12 meses;

- Febre amarela recente: ter tomado vacina de febre amarela ou viajado a países com risco de doenças transmissíveis;

- Para as situações em que há maior risco de adquirir doenças sexualmente transmissíveis é necessário aguardar 12 meses.

Impedimentos definitivos

- Ter contraído hepatite após os 11 anos de idade;

- Ter evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças transmissíveis pelo sangue: hepatites B e C, Aids (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e doença de Chagas;

- Ser usuário de drogas ilícitas injetáveis;

- Ter contraído Malária.

Fonte: 015 - Camila Vasconcellos

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias