Sabado, 28 de Setembro de 2019 - 11:50 (MINHA HISTÓRIA)

L
LIVRE

SACOS DE RAÇÃO VIRAM BOLSAS E AJUDAM A ALIMENTAR ANIMAIS SEM DONO

Com o dinheiro da venda das bolsas, ele compra remédios e alimentos para animais abandonados.


Imprimir página

 Um empreendedor do Rio de Janeiro teve uma ideia ecológica e sustentável para alimentar cães e gatos sem dono.

Wallace de Almeida pega sacos de ração vazios e transforma em bolsas. Com o dinheiro da venda das bolsas, ele compra remédios e alimentos para animais abandonados.

A ideia surgiu há alguns anos, quando ele contribuía para um projeto social – que servia refeições a moradores em situação de rua no Rio de Janeiro – e percebeu que muitos desabrigados tinham animais de estimação.

Foi aí que pensou em ajudar também esses cachorros e gatos. A iniciativa, batizada de SustentaCão, conta ainda com a habilidade de Wallace em costurar.

A primeira bolsa

Para “testar” a ideia, o rapaz criou a primeira bolsa para a noiva dele.

Ela fez compras no supermercado e a bolsa aguentou bem o peso dos produtos.

Em julho deste ano, o projeto foi oficialmente lançado e chamou a atenção de pessoas ligadas a ONGs de animais.

Hoje apenas Almeida e o irmão, André de Paula, ajudam na confecção e venda das bolsas e também no cuidado dos animais.

Cada uma das bolsas é vendida por cerca de R$ 15.

Vendas

Elas são comercializadas na conta dele no Instagram.

Na compra da bolsa, a pessoa recebe também um pouco de ração e uma coleira refletiva, que permitem que os animais sejam vistos à noite, o que pode evitar atropelamentos.

O SustentaCão também aceita doações de saco de ração vazios e cheios e de linhas de costura.

Hoje o projeto é focado nos bairros cariocas de Bangu e Padre Miguel, mas meta do empreendedor é levar o projeto a outras regiões no futuro.

Fonte: 015 - sonoticiaboa

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias