Segunda-Feira, 04 de Novembro de 2019 - 15:50 (Esportes)

14
Não recomendado para menores de 14 anos

COPEIRA DIZ QUE EX-TÉCNICO DO VASCO ESFREGOU O PÊNIS NELA

Milton Mendes foi acusado de estupro por mulher, que disse ainda que profissional tentou lhe beijar à força. Ele, porém, nega


Imprimir página

A copeira de um hotel em Sorocaba acusa o ex-técnico do Vasco, Milton Mendes, de lhe esfregar o pênis nela, além de tentar beijá-la à força. O boletim de ocorrência do caso foi divulgado na última quinta-feira (31/10) pelo portal GloboEsporte.com, data em que a agressão teria ocorrido. A denúncia custou o cargo do treinador, que se demitiu do São Bento, equipe que comandava.

Segundo o relato da copeira, que teve a identidade preservada, tudo começou com um bilhete enviado pelo técnico, que ganhou projeção quando treinou o Athletico-PR. No papel, que continha o número de telefone dele, Milton Mendes teria dito “me manda mensagem para a gente sair e conversar”. A informação foi publicada pelo portal O Dia. O veículo explicou ainda que, ao deixar o hotel, o técnico teria entrado na cozinha do local sob o argumento de que “queria dar tchau”.

Neste momento, ainda de acordo com O Dia, o treinador teria se aproximado dela e lhe esfregado o pênis, em ereção, na mulher. Não satisfeito, Milton Mendes ainda teria tentado um beijo à força, dizendo que “só querer uma bitoquinha”. Casada, a copeira teria empurrado o técnico.

A funcionária disse ter relatado o ocorrido para o gerente, mas as câmeras de segurança registraram apenas a entrada e a saída de Milton Mendes da cozinha. O técnico teria dito que “foi apenas um abraço”, ao ser interpelado pelo gerente.

O boletim de ocorrência foi registrado no artigo 213 do código penal, que trata de estupro.

 

Fonte: Metrópoles

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias