Terça-Feira, 05 de Novembro de 2019 - 15:47 (Esportes)

L
LIVRE

COPA LIBERTADORES: FINAL EM SANTIAGO ESTÁ DESCARTADA, DIZ SITE

Informação foi dada pelo canal Fox Sports, que afirmou ainda que decisão deve ser em Lima ou Assunção


Imprimir página

Flamengo e River Plate não devem decidir a Copa Libertadores deste ano em Santiago. Pelo menos é o que informa o repórter Ricardo Lay, do canal por assinatura Fox Sports. De acordo com o profissional, a capital chilena foi descartada por conta dos protestos no país, que já duram três semanas. As manifestações também causaram o cancelamento de dois eventos envolvendo chefes de Estado, que estavam previamente marcados para país sul-americano. Ainda de acordo com Lay, brasileiros e argentinos devem se enfrentar em Lima ou Assunção. A Conmebol ainda não se posicionou oficialmente sobre o jogo, agendado originalmente para o dia 23 deste mês, um sábado.

A capital paraguaia surge como candidata porque, além de ter um estádio novo, o La Nueva Olla, atual casa do Cerro Porteño, Assunção receberá, neste final de semana, a decisão da Copa Sul-Americana, entre Colón e Independiente del Valle.

Lima, por sua vez, corre por fora na disputa. Isso porque há rusgas entre a Conmebol e a Federação Peruana de Futebol. O portal argentino Clarín, porém, afirmou que há a possibilidade de que as partes se reúnam para aparar arestas e tornar a capital do Peru um local possível para receber a decisão da Libertadores. Lima ainda levaria vantagem em um quesito: o Estádio Monumental tem capacidade para 80 mil pessoas, quase o dobro do que podem receber as arenas chilena e paraguaia.

Em 2018, a Conmebol também teve problemas com a decisão da Libertadores. Antes do jogo de volta, no Estádio Monumental de Nuñez, o ônibus que levava o Boca Juniors para a partida foi atacado em uma emboscada que teve até jogadores feridos. Por conta disso, a entidade transferiu o confronto de volta entre River Plate, finalista novamente neste ano, e o clube de La Boca para o estádio Santiago Bernabeu, em Madrid, na Espanha.

Fonte: 010 - metropoles

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias