Quarta-Feira, 27 de Setembro de 2017 - 11:22 (Agronegocios)

L
LIVRE

VENCEDORES DO 2º CONCURSO DE QUALIDADE E SUSTENTABILIDADE DO CAFÉ DE RONDÔNIA SERÃO CONHECIDOS AMANHÃ EM CACOAL

Em sua segunda edição, o concurso conta com 231 produtores de 30 municípios inscritos e os vencedores nas categorias qualidade da bebida e produção sustentável serão conhecidos nesta quinta-feira (28), em Cacoal.


Imprimir página

Com o objetivo de incentivar a cafeicultura, promovendo a melhoria da produção e a competitividade no mercado nacional, o Concurso de Qualidade e Sustentabilidade do Café de Rondônia (Concafé) tem surpreendido especialistas pelo altíssimo potencial apresentado durante as provas de degustação. Em sua segunda edição, o concurso conta com 231 produtores de 30 municípios inscritos e os vencedores nas categorias qualidade da bebida e produção sustentável serão conhecidos nesta quinta-feira (28), em Cacoal.

Apesar de ser conhecido no mundo gourmet como o “primo pobre”, quando o assunto é grão, o café conilon vem ganhando notoriedade no campo dos cafés especiais. O “primo rico”, o café arábica, com variedades como: catuaí amarelo e vermelho, bourbons, novo mundo, entre outros, é o preferido para os chamados cafés finos.

De origem africana, mais especificamente do Congo e da Guiné, o café canéfora é o que tem recebido maior incentivo para produção no estado de Rondônia. Suas variedades mais conhecidas são o robusta e o conilon e, apesar de não render uma bebida fina como o arábica ele também é valorizado para a composição de blends (misturas de grãos) e pela indústria de café instantâneo, de grande aceitação nos mercados americano e europeu.

Outra característica que trouxe o café canéfora para o estado é a sua produtividade e resistência à doenças, quando comparado ao café arábica. Para retomar a lavoura cafeeira em Rondônia, as políticas públicas de governo também incentivaram o uso de novas tecnologias como: técnicas de clonagem, irrigação localizada e a recuperação de solos através da calagem e adubação e os resultados têm sido satisfatórios.

CONCAFÉ

O Concurso de Qualidade e Sustentabilidade do Café de Rondônia (Concafé) surgiu no intuito de aumentar a produção de grãos e melhorar ainda mais a qualidade do produto que já vem crescendo no estado. Em sua primeira edição, realizada em 2016, a bebida extraída dos grãos selecionados surpreenderam os especialistas que vieram para a prova de degustação.

Aromas e nuances surpreendentes.

Discriminado e sempre desvalorizado por ser considerada uma bebida sem sabor, o café canéfora tem apresentado aromas e nuances surpreendentes comprovados por degustadores experientes de várias partes do mundo, provando que a bebida do café canéfora está conquistando novos mercados e agradado até os consumidores mais exigentes.

As amostras dos 231 cafeicultores inscritos na edição de 2017 do Concafé passaram por um sistema criterioso de análise física. As 30 amostras que apresentaram os melhores resultados foram submetidas à análise sensorial, através de degustação por especialistas e os vencedores serão anunciados a partir das 9 horas desta quinta-feira (28), no Parque de Exposição de Cacoal.

Além da apresentação dos vencedores, o governo estadual, intermediado pela Suder, Seagri e Emater-RO, em parceria com o Sebrae, realizará um seminário estadual sobre qualidade e sustentabilidade do café, proporcionando aos produtores e interessados uma discussão sobre a cafeicultura e os aspectos capazes de fazer a diferença no mercado. Também está agendada uma visita à uma propriedade de Rolim de Moura, para que os interessados possam ver in loco, uma lavoura de café de qualidade .

PREMIAÇÃO

O 2º Concafé é uma iniciativa do Governo do Estado de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri), executado pela Emater-RO em parceria com a Câmara Setorial do Café do Estado de Rondônia, Sebrae, Embrapa-RO, Idaron e Unir. A premiação será oferecida aos três primeiros colocados que receberão troféus e R$ 28.700,00 em prêmios assim distribuídos: 1º lugar R$ 12.000,00, 2º lugar R$ 8.700,00, 3º lugar R$ 3.000,00 e campeão em sustentabilidade R$ 5.000,00.

Os vencedores também receberão como prêmio, uma viagem para Belo Horizonte-MG, com despesas pagas pelo projeto cafeicultura de Rondônia, do Sebrae, para participarem da Semana Internacional do Café, que será realizada no período de 25 a 27 de outubro deste ano.

Fonte: 010 - SECOM/GOV-RO

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias