TOCHA OLÍMPICA – AS MAIORES REFERENCIAS DO ESPORTE DE RONDÔNIA FICARAM DE FORA - News Rondônia Após obter diversas conquistas em nível Nacional, quebrando um recorde atrás do outro, inclusive os próprios.

Porto Velho,

Domingo , 12 de Junho de 2016 - 12:10 - Colaboradores


 


TOCHA OLÍMPICA – AS MAIORES REFERENCIAS DO ESPORTE DE RONDÔNIA FICARAM DE FORA

Após obter diversas conquistas em nível Nacional, quebrando um recorde atrás do outro, inclusive os próprios.

ImprimirImprimir página

Qual o critério que a Secretaria Municipal de Esportes e os “patrocinadores” da vinda da Tocha Olímpica utilizaram para escolher as “personalidades” que irão conduzir-la pelas ruas da cidade no dia 22/06? Talvez tenha sido o mesmo critério que Mauro/Gilson Nazif utilizaram para escolher seus secretários, já que pelo visto, Rafael Claros, secretário de Esportes, entende tando de esportes quanto Mauro entende de administração publica.

NÃO DESMERECENDO, DE MANEIRA NENHUMA, QUEM FOI CONVIDADO PARA CONDUZIR A TOCHA

Qual a explicação para deixar de fora justamente uma paratleta que já levou o nome de Rondônia para o lugar mais alto do pódio em campeonatos mundiais e ganhou três medalhas olímpicas, sendo duas de ouro e uma de prata? Essa atleta é Rossilena Marcolino, que por acreditar no esporte como fator de reabilitação física e social, como atleta na modalidade de ATLETISMO (PROVAS DE CAMPO – PESO, DARDO E DISCO) participou das Corridas de Ruas promovidas pelo SESC, bem como de Campeonatos: Regionais, Nacionais e Internacionais.

Após obter diversas conquistas em nível Nacional, quebrando um recorde atrás do outro, inclusive os próprios. Teve convocação para Campeonatos Mundiais em Mar Del Plata na Argentina, Berlim na Alemanha e Stock MandelVill – Inglaterra, onde, em 1997 CONQUISTOU O PRIMEIRO TÍTULO DE CAMPEÃ MUNDIAL A SER TRAZIDO PARA RONDÔNIA. Conquistando nada menos que 02 MEDALHAS DE OURO E UMA DE PRATA.


Há quase 30 anos Rossilena é Servidora Pública de Rondônia. 
Ex-lateral-direita da Seleção Brasileira feminina, Elissandra Regina, ou Nenê.

ELISSANDRA REGINA, ou simplesmente Nenê, ex-lateral direita da seleção brasileira, participou de duas olimpíadas e também foi “esquecida de ser convidada” para o revezamento da Tocha. Qual atleta de futebol de nosso estado honrou tanto o nosso inexpressivo futebol? O Blog vai dar uma forcinha para o secretário de esportes e também para os patrocinados, já que parece que eles não sabem quem é a referida ex-atleta: 


O seu primeiro convite no futebol foi em 1994 no Saad, de São Paulo, mas logo foi para o São Paulo e às vésperas de seu aniversário já seguiu para o Brasileiro de Futsal. O seu próximo passo foi na Seleção Brasileira, nas Olimpíadas de Atlanta e depois para as Olimpíadas de Sidney. Até bem pouco tempo atrás Nenê trabalha como taxista, no carro do irmão, e jogava futebol apenas nos finais de semana em Porto Velho.

 

NOTICIAS RELACIONADAS

Fonte: Carlos Caldeira

Comentários do Facebook

Veja Também

Publicidade

  • Http://www.Auto-doc.pt