Quarta-Feira, 13 de Abril de 2016 - 20:00 (Tá na Lente)

L
LIVRE

TICO SANTA CRUZ É RETIRADO DE AVIÃO PELA PF APÓS CONFUSÃO COM TRIPULAÇÃO

Após manifestação dos demais passageiros, e com razão, pois o voo já estava atrasado há mais de 30 minutos, a Polícia Federal foi acionada e retirou o músico da aeronave.


Imprimir página

São Paulo, SP – O músico e ex-vocalista da Banda Detonautas, Tico Santa Cruz, causou tumulto nesta quarta-feira (13) em um voo da companhia GOL, que saía da Capital Paulista e tinha como destino Maringá, no Paraná. Toda a confusão ocorreu, pois o músico ocupou um assento vazio, mas que não lhe pertencia. Funcionários da GOL informaram ao cantor que aquele assento era da classe “conforto”, e que ele deveria ter comprado o bilhete para o referido assento, que custa R$ 25 reais a mais.

O passageiro afirmou que não teria conseguido comprar o bilhete para o “assento especial”, por isso esperou que todos os demais passageiros se acomodarem e, ao fim, se acomodar no referido assento. Tico Santa Cruz ainda se propôs a pagar a diferença (R$ 25 reais) em espécie, mas o dinheiro não teria sido aceito. Como o artista é apoiador do Governo da Presidente Dilma Rousseff, alguns passageiros ironizaram e disseram que ele deveria viajar em um dos jatinhos do Ex-Presidente Lula.

Após manifestação dos demais passageiros, e com razão, pois o voo já estava atrasado há mais de 30 minutos, a Polícia Federal foi acionada e retirou o músico da aeronave. Tico Santa Cruz afirmou que seu advogado irá acionar a companhia aérea na justiça.

Fonte: Julio Malta - NewsRondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias