Segunda-Feira, 13 de Novembro de 2017 - 19:19 (Saude)

L
LIVRE

SOCIOEDUCADORES PEDEM APOIO PARA FORMAÇÃO DE SEGUNDA TURMA

Representantes da categoria pediram ajuda aos deputados Maurão de Carvalho e Léo Moraes


Imprimir página

O presidente da Assembleia Legislativa, Maurão de Carvalho (PMDB), juntamente com o deputado Léo Moraes (PTB), recebeu representantes da categoria dos socioeducadores. A categoria pediu aos parlamentares que intercedam junto ao governo do Estado para chamar a segunda turma para academia.

O deputado Léo Moraes salientou que muitos servidores do educativo foram transpostos, se aposentaram ou foram aprovados em outros concursos, com isso abrindo vagas. “Fora isso temos a real necessidade de chamamento hoje de 80 socioeducadores, sendo 70 homens e 10 mulheres”, destacou.

O socioeducador aprovado no concurso e que aguarda chamamento, Daniel Souza, disse que não haverá impacto na folha, tendo em vista que estes 80 servidores supririam a demanda que está vaga, pois a real necessidade é maior. Ele lembrou que a academia dura 45 dias e que se o governo chamasse hoje, só finalizaria todo os trâmites em março ou abril.

Daniel Souza chegou a destacar que juízes estão liberando menores infratores por não haver de condição de mantê-los no sistema em segurança com o número de servidores existentes hoje.

Léo também frisou ao presidente Maurão que o governo encaminhou a minirreforma administrativa para apreciação da Assembleia, onde propõe também a extinção da Secretaria de Justiça (Sejus) e a criação de uma Fundação do Socioeducativo. “Precisamos realizar uma discussão com a categoria para saber se esta é a melhor alternativa. O que não abrimos mão é da contratação de pelo menos oitenta servidores”, afirmou.

O deputado Maurão pediu o apoio do deputado Léo Moraes para acompanhar o caso e se comprometeu em auxiliar a categoria. “Afinal, o impacto na folha de pagamento será mínimo”, finalizou.

Fonte: 010 - ALE/RO - DECOM

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias