RONDÔNIA: ONDE O OESTE É O COMEÇO - News Rondônia O Brasil nos descobriu e o mundo também. A carne do nosso gado vai parar na mesa dos europeus e de metade dos países da América Latina

Porto Velho,

Quinta-Feira , 13 de Outubro de 2011 - 08:14 - Colaboradores


 

RONDÔNIA: ONDE O OESTE É O COMEÇO

O Brasil nos descobriu e o mundo também. A carne do nosso gado vai parar na mesa dos europeus e de metade dos países da América Latina

ImprimirImprimir página

Rondônia é mesmo um estado cheio de graça e de situações incomuns a própria população. Em uma ida ao interior pude percorrer alguns municípios que ainda não conhecia.  

O que mais me chamou a atenção nestes locais em que passei, foram às pessoas e sua forma de viver. Seringueiras que fica na Br-429 concentra uma população de 10 mil habitantes.  O município tem dezenove anos e a maioria das pessoas são de estados do Sul do país.  A característica sulista é prova do que escrevo. Olhos verdes, azuis e cabelos loiros misturados a pele branca revelam de onde eles veem. O Que teem em comum? Diria o bom senso, a simplicidade e o sorriso espontâneo. “O coração pode está partido, mas o sorriso precisa estampar sempre o rosto”, a frase foi expressa pelo prefeito da cidade, Celso Garda e que fiz questão de anotar.

A vida nos lugares afastados parece não passar aos nossos olhos. O tempo ao contrário de quem mora em cidade grande não é inimigo, pelo contrário é um aliado. E eles fazem o seu próprio tempo, afinal pressa pra quê se a maioria das pessoas que moram no interior são donos de seus próprios negócios que em Seringueiras é complementado pela criação de gado e plantios. O inhame, uma espécie de batata é uma nova aposta que está em fase de pesquisa pela Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Regularização Fundiária (Seagri)

Seringueiras como o nome mesmo afirma abrigava seringais e seringalistas. Não por acaso que a árvore da seringueira ainda pode ser vista pelo caminho.

A BR - 429 trata-se de uma rodovia Federal e principal elo de ligação aos municípios do Oeste. Por causa da burocracia, alguns trechos o asfalto ainda não é uma realidade. Mas aos poucos homens do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte) começam a abrir caminho onde o progresso é bem vindo. A obra completa do asfaltamento está prevista para ser entregue em 2012. O dinheiro para recuperação e construção é parte de uma emenda parlamentar da deputada Federal, Marinha Raupp para o desenvolvimento da região.

Em São Miguel do Guaporé os ares são mesmo de interior. A BR- 429 esconde as divisas da cidade. Quem passa por ela nem imagina que São Miguel cresceu na horizontal, e não em torno da BR, como aconteceu com as cidades ao longo da BR-364. As ruas a agitação impulsionada pelo comércio de lojas e artigos para o campo. A lan house também é ponto turístico. Bem equipada o local deixa todos da cidade on line com o mundo. A estrutura supera até mesmo as encontradas em Porto Velho, capital de Rondônia. Basta adentrar as portas do estabelecimento que os vídeos games (XBOX 360) conectados nas grandes telas enlouquecem os jovens e, porque não os adultos, afinal  diversão tem idade? O atendimento é de causar inveja a muitos grandes centros, “Esse é o marketing que faz os clientes estarem todos os dias”, conta o dono.  E ele está certíssimo.

São Miguel do Guaporé surgiu por meio do Projeto de Colonização Bom Princípio e tem como um dos idealizadores, o Dr.João Bosco, como executor do plano de criação.  O nome vem do rio São Miguel, que fica próximo.  Passou a categoria de município no dia 06 de outubro de 1988, hoje tem aproximadamente 22 mil habitantes.  São Miguel chegou a ter no nome, Oeste, mas foi substituído por Guaporé em razão do rio São Miguel ser um dos principais afluentes do rio Guaporé. As terras que deram origem ao município foram desmembradas de Costa Marques.

A rodovia BR- 429 é lugar de ‘Terra Boa’, o nome já diz tudo. Em Terra Boa tudo nasce se assim plantar. Terra Boa é um distrito localizado nas terras de Alvorada D’Oeste.  Quem nasce em Terra Boa é Terraboensse.  De carro Terra Boa é tão pequeno em extensão que se você não estiver atento e bastou um suspiro e, ‘Terra Boa’ fica pra trás.

Rondônia é um estado com 52 municípios, mas pode ser classificado como território desconhecido por muitos rondonienses. Aqui tem de tudo, o meio ambiente é rico. Mas o que faz de Rondônia um estado diversificado é a cultura trazida pelos bandeirantes, vindos de todos os estados do Brasil. Nós por muitos anos fomos descriminados, mas hoje o cenário é outro.   O estado se destaca como a 3ª maior economia do Norte, e um dos principais criadores de gado do Brasil.

O Brasil nos descobriu e o mundo também. A carne do nosso gado vai parar na mesa dos europeus e de metade dos países da América Latina. Até os chineses degustam do boi que cresce em pasto livre de agrotóxico. Rondônia é mesmo um estado de encantos e, de descobertas. Rondônia, um estado em sua forma natural.

 

fotos : Ronaldo Nina

Fonte: Emerson Barbosa

Comentários do Facebook

Veja Também

Publicidade

  • Http://www.Auto-doc.pt