Terça-Feira, 16 de Janeiro de 2018 - 10:26 (Colaboradores)

L
LIVRE

RONDÔNIA NO PREJUÍZO - POR CARLOS SPERANÇA

O Governo Federal tem penalizado Rondônia. Veja o caso das fronteiras de Rondônia com a Bolívia que estão desguarnecidas, se tornando uma porteira aberta para o tráfico de armas e de entorpecentes destinados aos morros de São Paulo e Rio de Janeiro.


Imprimir página

A dragagem da Hidrovia do Madeira está em passo de tartaruga pelo Dnit e pelo Ministério dos Transportes; quase a metade dos recursos da emenda parlamentar do bloco de deputados federais e senadores para drenagem e pavimentação das ruas da capital – de R$ 132 milhões – foi contingenciada quase pela metade pelas esferas econômicas do Governo Federal; a ponte do rio Madeira, na travessia do Abunã, está quase que paralisada e da duplicação da BR-364, a espinha dorsal do Estado, nem se fala mais, porque será privatizada.

O Governo Federal tem penalizado Rondônia. Veja o caso das fronteiras de Rondônia com a Bolívia que estão desguarnecidas, se tornando uma porteira aberta para o tráfico de armas e de entorpecentes destinados aos morros de São Paulo e Rio de Janeiro. Faltam recursos para a Polícia Federal trabalhar nos bloqueios das estradas e patrulhas dos rios no Vale do Guaporé.

Sem respaldo federal, Rondônia se transformou num importante corredor de drogas para o Sul do País e para o exterior, só perdendo para o Estado do Mato Grosso do Sul. É uma situação constrangedora.

A definição

O governador Confúcio Moura (MDB) escolheu a cidade de Ariquemes para anunciar a sua decisão de disputar o Senado nas eleições de outubro, depois de consultar toda sua família com ramificações em Goiás e Brasília. A desincompatibilização será em 5 de abril, com a preferência de disputar o cargo pelo MDB. Só pulará para outro partido se for boicotado por Raupp e Cia. O MDB já disse que garante a sua vaga na disputa.

Nona campanha

O governador entrará na sua nona campanha política que não foi só de vitórias. Também teve derrotas a prefeito em confronto com o clã Amorim. Mas vem de três mandatos de deputado federal, dois de prefeito de Ariquemes e dois de governador, sendo que ganhou de virada as duas campanhas. Na disputa ao Senado entra como franco favorito, tornando a segunda cadeira uma disputa mais encarniçada.

Quem é beneficiado?

Na anunciada dobradinha ao Senado de Confúcio Moura e Valdir Raupp, eu me pergunto quem será o melhor beneficiado pela articulação? Confúcio, em alta conseguirá repassar o segundo voto para Raupp? Raupp, que enfrenta turbulências com a justiça e uma queda na sua popularidade nos últimos anos, influenciará negativamente a campanha de Confúcio? Creio que a princípio Raupp seria o beneficiário do acordo de unidade.

Paliçadas reforçadas

Caso o MDB não faça alianças com outras legendas e projete a candidatura própria ao governo com o deputado Maurão de Carvalho, o partido finalmente encontrará a sonhada unidade. Desde que lançada, a postulação de Maurão foi muito contestada. No entanto, os últimos acontecimentos reforçam sua candidatura, pois terá também uma baita nominata de candidatos à Assembleia Legislativa e à Câmara dos Deputados.

Aliança PSB/PDT

Por outro lado, a saída do governador Confúcio Moura do centro administrativo, em meados de abril, vai oportunizar o ingresso do vice Daniel Pereira (PSB) na titularidade. Com isto, o governo Estadual durante a campanha eleitoral – Pereira terá oito meses de mandato tampão – estará nas mãos da aliança PDT/PSB que terá como candidato ao governo o senador Acir Gurgacz, e nesta coalizão também deverá estar o DEM. E seguem as tratativas também com o PSDB de Mariana.

Via Direta

*** Infelizmente a grande maioria das ocorrências policiais de finais de semana tem sido de violência contra a mulher *** Não tem Lei Maria da Penha que amenize o sofrimento feminino, com a selvageria provocada pelo álcool e entorpecentes de seus companheiros *** Por algum motivo estão dizendo nos círculos políticos que, por participar ativamente da atual gestão, Expedito funciona como um vice-prefeito em Porto Velho.

Fonte: Carlos Sperança - News Rondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias