Quinta-Feira, 09 de Novembro de 2017 - 13:08 (Tecnologia)

L
LIVRE

PROGRAMAS GARANTEM APOIO A PESQUISADORES E EVENTOS NA ÁREA DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA EM RONDÔNIA

O termo de outorga do Pape foi publicado pelo governo estadual no Diário Oficial (Diof) do dia 1º deste mês.


Imprimir página

Depois de lançar o Programa Acelera Rondônia, com ações voltadas ao incentivo à pesquisa, a Fundação Rondônia de Amparo ao Desenvolvimento das Ações Científicas, Tecnológicas e à Pesquisa do Estado de Rondônia (Fapero) agora trabalha com os Programas de Apoio a Eventos (PAE) e o Pape, de Apoio à Participação de Professores Doutores em Eventos em outros estados e até fora do País para apresentar trabalhos autorais na área científica ou tecnológica, não publicados. O termo de outorga do Pape foi publicado pelo governo estadual no Diário Oficial (Diof) do dia 1º deste mês.

Conforme o diretor de Tecnologia e Inovação da Fapero, Leandro Dill, o primeiro evento beneficiado pelo PAE foi o 2º Simpósio de Nanobiotecnologia e Biodiversidade de Rondônia, realizado em outubro, em Porto Velho, contando com palestrantes e pesquisadores da Costa Rica, Panamá, Equador, Argentina e de vários estados brasileiros. O próximo será 1º Simpósio em Ciências Ambientais: Biodiversidade Amazônica e Agricultura Sustentável, marcado para o período de 29 de novembro a 1de dezembro, em Rolim de Moura. Trata-se de uma iniciativa do programa de pós-graduação em ciências ambientais da Universidade Federal de Rondônia (Unir) e do Centro de Pesquisa Agroflorestal de Rondônia (Embrapa-RO).

Dill explicou que a chamada do PAE teve sete projetos de eventos submetidos à avaliação, dos quais seis foram selecionados para ser acontecer até o primeiro trimestre de 2018. Com relação ao Pape, que financia a inscrição, passagens e diárias, o diretor disse que foram inscritas 14 propostas, sendo dez contratadas. “Os dois programas são muito importantes para a pesquisa em Rondônia, mas o Pape se destaca por levar o resultado desses trabalhos para outros estados e até outros países”, observou Leandro Dill.

Ele citou do Acelera Rondônia atualmente duas ações estão em fase final de contratação e mais de 200 projetos estão em avaliação, distribuídos em seis editais/chamadas públicas, somando R$ 5 milhões do total de R$ 9 milhões anunciados pelo governador Confúcio Moura em outubro. A divulgação do resultado está prevista para o próximo dia 22.

Os editais para os outros R$ 4 milhões serão lançados brevemente. Ele ressaltou que o financiamento da chamada 05/2017 contempla pesquisadores de instituições, como a Unir, Instituto Federal de Educação (Ifro), Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e Faculdade São Lucas.

Fonte: 010 - SECOM - GOV/RO

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias