Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2016 - 08:38 (Colaboradores)

L
LIVRE

PRÉDIO DA FAMÍLIA NAZIF SERVE DE CRIADOURO DO AEDES E DE ESCONDERIJO PARA MARGINAIS E VICIADOS

O local está abandonado, depredado e agora com um sério risco de ter virado um criadouro do mosquito aedes aegypti, já que uma das caixas d'água está sem tampa e o telhado tem muitas avarias.


Imprimir página

O prédio fica na rua do Sol nº 371 Bairro Floresta, antigamente no local funcionava um supermercado, e desde que o Mauro assumiu a prefeitura de Porto Velho que o local está abandonado e servindo para esconderijo de marginais e viciados. O local até que tem um portão lateral mas permanece aberto o tempo todo. Eles tentaram evitar que a população veja as condições da parte interna do prédio fazendo uma parede de alvenaria no portão principal, mas se o portão lateral fica aberto, não adiantou nada. 

O local está abandonado, depredado e agora com um sério risco de ter virado um criadouro do mosquito aedes aegypti, já que uma das caixas d'água está sem tampa e o telhado tem muitas avarias. Toda vez que chove o local fica completamente alagado.

No ano de 2014 o IPTU estava em nome de EDITE PRADO RASUL. Já em 2015 chegaram dois carnês; Um em nome de MIGUEL RASUL NAZIF e outro em nome da Prefeitura de Porto Velho.

Vizinhos do prédio juntaram os carnês que ficaram jogados na parte de fora do prédio e denunciaram o fato. Segundo ainda o que foi apurado com os vizinhos, o prédio está alugado para a prefeitura e lá seria uma creche, mas até hoje isso não saiu do papel.

Confira as fotos:

Fonte: Carlos Caldeira

Noticias relacionadas

Banner Ale

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias