Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018 - 12:27 (Colaboradores)

L
LIVRE

POLÍTICA & MURUPI: RESCALDOS DO DEBATE DA BAND

Na Band Ciro Gomes rifou o Daciolo: Meu estimado Cabo, tive prazer de conhecê-lo hoje e pelo visto o amigo não me conhece. Não sei o que é isso, não fui fundador do Foro de São Paulo.


Imprimir página

FRASE DO DIA:

“Em plena campanha, não sei se estamos realmente escolhendo um presidente ou cavando uma crise para que ele se afunde, como afundaram seus antecessores. ” – Jornalista Fernando Gabeira

1-Conta altíssima

“A situação é grave” disse Hildon Chaves sobre a EC 99/2016 que exige quitação até 2024 dos precatórios devidos até 25 de março de 2015. “Há linha de crédito, mas não há mecanismo de financiamento e municípios estão com mais de 2% de sua receita corrente líquida comprometida”.

Outra PEC para alongar o prazo, nem pensar: “foi feito várias e não surtiu efeito”. Sua ideia é dividir o passivo pelo número de parcelas, a minha é auditar a dívida. Só Porto Velho deve mais de R$ 500 milhões. É impagável!

2-Estado família?

A ação que vai ser julgada no STF nasceu em 2012 em Canela-RS. Uma estudante com 11 anos pediu ao juiz e com apoio dos pais, o direito de ser educada em casa, o que era proibido pela Prefeitura.

A AGU diz que a educação domiciliar priva o aluno de socialização e as famílias veem a escola como violenta e sem qualidade. A causa trás o cenário de filhos longe da escola aprendendo em casa, mas revela a desigualdade social e econômica das famílias e o abismo entre as escolas públicas e privadas.

 3-Militares na política

De olho na reprovação a políticos de carreira e com a aprovação da sociedade civil, militares miraram a política. Nesta eleição candidatos saídos das Forças Armadas, Polícia Militar e Bombeiros quase dobrou. São 25 candidatos a presidente governador e vices.

“Estão sendo alçados a candidatos como consequência do momento nacional. Pesquisas de opinião mostram que, entre todas as instituições, as Forças Armadas têm maior índice de confiabilidade. E a sociedade está em busca disso”, diz o general Villas Bôas no comando do Exército. E não são só candidatos ao Executivo. Por todo o país os militares visam os parlamentos. O caminho para o poder é pelo voto. Selva!

4-Esforço concentrado

Sem qualquer pauta para o tal “esforço concentrado” do Congresso Nacional, marcado para dias 28 e 29 de agosto, parlamentares vão deixar a Casa vazia, algo corriqueiro em ano eleitoral.

Para as excelências não é hora de votar temas polêmicos que possam ter reflexo no resultado das urnas para não atrapalhar os palanques, alianças, etc., mas quem sabe seja a oportunidade de por para andar a pedida de aumento dos juízes e pegar a carona providencial para engordar o contracheque das excelências. 

5-Rescaldos do debate da Band

Na Band Ciro Gomes rifou o Daciolo: “Meu estimado Cabo, tive prazer de conhecê-lo hoje e pelo visto o amigo não me conhece. Não sei o que é isso, não fui fundador do Foro de São Paulo.”

O Cabo reagiu: “Sabe, sim. Estamos falando aqui do plano que se chama Nova Ordem Mundial: conexão de toda América do Sul, tirando as fronteiras e fazendo uma única nação.” Ciro riu: “A democracia é uma delícia, mas ela tem certos custos” Veja este vídeo.

Detalhe: “Ursal” não existe. Ela foi criada por uma professora iroironizando o tal “Foro”. A pergunta era destinada ao PT, que sequer foi ao debate. 

leoladeia@hotmail.com

 

Fonte: Leo Ladeia/NewsRondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias