Terça-Feira, 13 de Fevereiro de 2018 - 22:00 (Polícia)

10
Não recomendado para menores de 10 anos

MORADOR É PRESO APÓS OFENDER PORTEIRA E SÍNDICA DE CONDOMÍNIO NA ZONA SUL

O fato aconteceu em um condomínio localizado na Rua João Paulo I, Bairro Areia Branca, área sul da cidade.


Imprimir página

Porto Velho, RO – Thalisson dos S. M., de 23 anos, acabou sendo preso por uma guarnição da Polícia Militar, nesta terça-feira (13), após ter desacatado a porteira e o síndico do condomínio onde ele mora. O fato aconteceu em um condomínio localizado na Rua João Paulo I, Bairro Areia Branca, área sul da cidade.

Os policiais foram até o condomínio e conversaram com a primeira vítima, sendo esta a agente de portaria. A mulher informou que Thalisson teria chegado ao condomínio de carro, com outras pessoas e os ocupantes do veículo passaram a ofender a trabalhadora, a chamando de lésbica. A porteira informou que devido hoje ser feriado, seria necessário manter o silêncio. Thalisson então disse que se ela não abrisse o portão, ele iria resolver a situação de outra maneira, o que a servidora entendeu como ameaça de morte.

O síndico do condomínio informou aos policiais que havia sido solicitado por moradores que reclamavam de som alto. Ao ir verificar a situação, o síndico foi ameaçado por Thalisson, que armado com uma garrafa o chamou para a briga. Os policiais conversaram com o suspeito e diante das ameaças que Thalisson havia feito, deram voz de prisão. O indivíduo reagiu e foi necessário o uso de algemas e força física moderada para que ele fosse encaminhado à central de flagrantes.

Na central de polícia, mesmo com a presença dos policiais, Thalisson proferiu ameaças à porteira e ao síndico dizendo: “isso não vai ficar assim. Vocês vão me pagar”.

Fonte: NewsRondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias