Quinta-Feira, 29 de Dezembro de 2016 - 19:28 (Polícia)

18
Não recomendado para menores de 18 anos

MONSTRO: RECÉM NASCIDA SOFRE DILACERAÇÃO DAS PARTES ÍNTIMAS APÓS SER ESTUPRADA PELO PAI

Os policiais apuraram que o pai já possuía antecedentes criminais pelo mesmo crime de estupro contra uma criança de 11 anos.


Imprimir página

Paraná- A polícia civil de Guarapuava prendeu em flagrante, nesta quinta-­feira, um homem de 38 anos, acusado de ter violentado a filha, de apenas 29 dias, o que acabou levando a criança à morte.

O homem foi preso depois que ele levou a bebê ainda com vida ao hospital da cidade. Médicos do hospital constataram as graves lesões na genitália da criança, e acionaram a polícia. Segundo informações da Delegacia de Guarapuava, o Instituto Médico Legal (IML) confirmou a violência sexual. O bebê não resistiu e morreu.


(ILUSTRATIVA)

Os policiais apuraram que o pai já possuía antecedentes criminais pelo mesmo crime de estupro contra uma criança de 11 anos, em Prudentópolis. A polícia também constatou que o suspeito tinha ainda antecedentes por crime de homicídio doloso.

Diante dos fatos, ele recebeu voz de prisão ainda no hospital onde deixou a criança. Autuado por estupro de vulnerável, o suspeito foi recolhido ao setor de carceragem provisória da Delegacia de Guarapuava, onde permanece à disposição da Justiça Criminal. A polícia investiga agora se outras duas crianças, enteadas dele, também foram molestadas.

Fonte: brblasting

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias