Segunda-Feira, 09 de Abril de 2018 - 12:06 (Política)

L
LIVRE

LÉO MORAES SE REÚNE COM SINDUR PARA TRATAR SOBRE SALÁRIOS ATRASADOS DE SERVIDORES DA CAERD

Desde o fevereiro do ano passado a companhia atrasa os salários dos servidores.


Imprimir página

O Deputado Estadual Léo Moraes esteve na sede do Sindicato dos Urbanitários do Estado de Rondônia (SINDUR) para tratar sobre a situação crítica da Companhia de Águas e Esgotos do Estado de Rondônia (Caerd). Desde o fevereiro do ano passado a companhia atrasa os salários dos servidores.

“Muitos pais de família ainda não receberam salários de 2017, sem falar no 13º. Já estamos na segunda quinzena do mês de abril e até agora a categoria não teve nenhum posicionamento. Além das remunerações atrasadas, a Caerd ainda quer criar mais cargos comissionados. Iremos trabalhar para valorizar os servidores efetivos.” Explicou Léo.

O deputado acompanha a luta dos trabalhadores para um acordo de pagamento. Entre audiências e reuniões, a companhia descumpriu decisões e acordos judiciais. Com isso, a categoria voltou a fazer greve.

Representantes do sindicato manifestaram o abandono da diretoria da Caerd, que, segundo eles, vem usurpando o patrimônio público, além de prestar um péssimo serviço aos rondonienses. Na reunião com o Sindur, Léo Moraes enfatizou que estará apoiando para fazer valer o direito constitucional aos mais de 600 trabalhadores que aguardam ansiosamente para receberem seus salários.

“Além dos pagamentos atrasados, existem outros fatores que comprovam que a Caerd está em situação muito precária como, má gestão, supersalários para membros de diretoria, falta de materiais e equipamentos e problemas de manutenção. E quem paga por isso é a população. Vale lembrar que no mês passado diversos bairros da capital ficaram sem água. O que é necessário acontecer para que se tome uma atitude? Estaremos cobrando satisfação das autoridades competentes até que este cenário mude.” Concluiu Léo.

Fonte: 015 - Assessoria

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias