LENHA NA FOGUEIRA: FESTIVAL DE MÚSICA VAI REUNIR MAIS DE 20 ATRAÇÕES EM VILHENA - News Rondônia O evento vai contar com apresentações de várias bandas e músicos locais de Rondônia, de vários estilos, entre eles rock, Hip Hop, MPB e sertaneja. De acordo com Marcio, o festival tem objetivo promover a cultura regional através da música. Além de promover os talentos regionais.

Porto Velho,

Quinta-Feira , 07 de Julho de 2016 - 15:47 - Colaboradores


 


LENHA NA FOGUEIRA: FESTIVAL DE MÚSICA VAI REUNIR MAIS DE 20 ATRAÇÕES EM VILHENA

O evento vai contar com apresentações de várias bandas e músicos locais de Rondônia, de vários estilos, entre eles rock, Hip Hop, MPB e sertaneja. De acordo com Marcio, o festival tem objetivo promover a cultura regional através da música. Além de promover os talentos regionais.

ImprimirImprimir página

O Coral da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR), criado em 1990 e posteriormente batizado de “Porto em Canto”, retomou suas atividades este ano, por meio do Programa de Extensão Universitária IntegrArte, do Departamento de Artes da UNIR.


O grupo que já esteve sob a batuta das maestrinas Sílvia Regina Fernandes das Neves e Cristina Neuvock, atualmente está sob regência da professora Ezenice Bezerra, do Departamento de Música. Em sua nova formação, o Coral fará seu primeiro recital nesta quinta feira dia 7 de julho, no auditório da Unir Centro, às 19 horas. A atividade é gratuita e aberta a toda a população


No repertório estarão músicas sacras e músicas populares brasileiras e o recital contará ainda com a participação dos estudantes do curso de música da UNIR.


O programa IntegrArte e o Coral Porto em Canto contam com o apoio da Pró-Reitoria de Cultura, Extensão e Assuntos Estudantis (PROCEA), por meio do Programa Institucional de Bolsas de Extensão e Cultura (PIBEC).


Por falar em UNIR também neste fim de semana sexta e sábado acontece o tradicional Arraial que este ano será montado no “Calçadão Manelão” em frente ao Mercado Cultural, com apresentações de danças folclóricas e comercialização de comidas típicas.


O arraial da UNIR faz tempo que é realizado com sucesso, durantes alguns anos foi montado na praça das Caixas D'água e depois passou para a rua D. Pedro II ao lado do prédio da UNIR/Centro. Agora vai para o “Calçadão Manelão” no Mercado Cultural.


Isso quer dizer que neste final de semana não teremos a apresentação de Ernesto Melo e A Fina Flor do Samba. Essa programação do Ernesto Melo só deve voltar à normalidade a partir da próxima sexta feira, ou seja, dia 15.


Enquanto isso o Festival de Quadrilha Juninas prossegue até domingo dia 10 no Arraial Flor de Lírio que está montado no Residencial Orgulho de Madeira. O bicho tá pegando. O duelo na noite de terça-feira 05, foi entre as quadrilhas A Roça é Nossa e a Mocidade Junina. A coordenação esqueceu de enviar a programação desta quinta-feira.


Você sabia que o maior São João do Mundo não é o de Caruaru em Pernambuco e nem o de Campina Grande na Paraíba. É o de...


Porto Velho – Rondônia. Quer ver?


Os pernambucanos acham que é deles porque dura o mês de junho todinho enquanto os paraibanos alegam a mesma coisa. A diferença entre um e outro são as atrações.


Em Porto Velho é pela duração das festas chamadas juninas. O nosso Circuito Junino começou no dia 27 de maio com a abertura do Arraial Flor de Cacto e só vai terminar no dia 31 de agosto com o encerramento do Arraial “Comunidade do Sertão” que também é conhecido como “Arraial do Fernandão” que geralmente é montado no campo de futebol do bairro Esperança da Comunidade.


São mais de 90 dias de festa junina e acontece todo dia, já que quando termina o arraial de um bairro logo começa o do outro bairro. É ou não é o Maior São João do Mundo o de Porto Velho?


É tem mais, se fôssemos levar ao pé da letra, colocaríamos como sendo do estado de Rondônia e não só da capital Porto Velho, pois o Festival Duelo na Fronteira que acontece em Guajará Mirim com a participação dos bois Malhadinho e Flor do Campo, este ano, só vai acontecer nos dias 7, 8 e 9 de outubro.


Precisamos parar de postar que nossas festas juninas são realizadas fora de época, é que são tantas solicitações para realização de Arraial, que a prefeitura passou a administrar o calendário, para que um evento não confronte com o outro, daí o Circuito Junina só terminar no dia 31 de agosto. Eu hein!


Nazaré – 50 anos do festejo cultural no baixo Madeira

Nos dias 22 e 23 deste mês de julho o distrito de Nazaré no baixo rio Madeira vai festejar 50 anos do “Festejo Cultural de Nazaré”. A realização é do Instituto Cultural e Socioambiental Minhas Raízes”.

O festejo é um legado deixado pelo professor Manoel Nunes Maciel que os membros do instituto preservam e revigoram a cada ano que passa reunindo as manifestações folclóricas da Quadrilha Tradicional e do Boi Curumim, Dança do Seringandô e Velha Guarda, das apresentações do grupo musical Minhas Raízes “Os Filhos de Nazaré”

Nos dias do Festejo acontecerá um grande arraial onde o visitante pode apreciar a culinária da população do baixo rio Madeira que entre outras iguarias contempla a caldeirada de peixe, bolo de macaxeira, aluá, mungunzá (chá de burro) além do famoso vinho de açaí e da fruta melancia. Uma das atrações do Festejo de Nazaré é a apresentação da Quadrilha do Distrito de São Carlos.

HISTÓRICO

Até o ano de 2013 o Festejo Folclórico era realizado por conta das festividades do dia de São Pedro, padroeiro dos pescadores. Nazaré tem três grandes atividades religiosas, a contar Festa de Nossa Senhora de Nazaré, Festejo de São Pedro e Festa de São Sebastião. No transcurso histórico, as apresentações culturais eram feitas após as atividades religiosas do dia de São Pedro. A comunidade achou por bem não associar as festas religiosas ao Festejo Cultural, dada a dimensão da festa e para garantir espaço de programação e assumir identidade própria. Desta forma a celebração religiosa fica com espaço próprio e garante a participação do público específico. Nas suas últimas três edições o Festejo cultural avolumou-se e ganhou sua dimensão simbólica no imaginário e nas vivências da comunidade. Desde então se fez necessário pensar sua estrutura para fortalecer a tradição cultural.

Festival de música vai reunir mais de 20 atrações em Vilhena

A música e a sustentabilidade são o ponto de partida para o “Festival de Música Portal da Amazônia”, que vai reunir mais de 20 atrações de vários estilos, em Vilhena. O evento será realizado no sábado, 23, e domingo, 24, na Praça Ângelo Spadari no centro da cidade a partir das 15 horas.

Patrocinado pelo Banco da Amazônia e o Governo Federal, o festival é coordenado pelo agente cultural Marcio Guilhermon, e está sendo realizado pelo grupo Serpentário Produções em parceria com a Associação Cultural, Educação, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável Diversidade Amazônica (ACEMDA).

O evento vai contar com apresentações de várias bandas e músicos locais de Rondônia, de vários estilos, entre eles rock, Hip Hop, MPB e sertaneja. De acordo com Marcio, o festival tem objetivo promover a cultura regional através da música. Além de promover os talentos regionais.

No sábado, 23, se apresentação as seguintes atrações no festival, Anarco Sativa, Radio Tesla, Gabriella Schmadecke, Banda Shiron, Banda Nele, Denisson Campos, Vanderson de Jesus, Poet, Desordem, Vecto.

Já no domingo, 24, se presentam as seguintes atrações, Murilo & Gustavo, Mateus Verine, Leo Silva, Sandro Vieira, Jovino Lobaz, Suzane Schmitka, Os Alienistas, Loop7, Subpop, Falésias, Necrovha.

Marcio informa que além das apresentações musicais o festival vai contar com a realização cinco oficinas de técnicas instrumentais, que serão oferecidas na escola Marechal Rondon, na sexta-feira, 22.

De acordo com Marcio, o artista vilhenense, Vitor Gomes vai participar do “Festival de Música Portal da Amazônia” criando e pintando desenhos autorais nos dois dias do evento, contribuindo assim com sua arte e criatividade para o evento.

O festival pretende atender cerca de mil pessoas que vão acompanhar as apresentações musicais e ações que serão oferecidas gratuitamente no projeto. “O festival é aberto a toda comunidade, conto com a presença de todos tenho certeza que será muito divertido”, disse Marcio.

Mais informações sobre o evento podem ser obtidas na página do “Festival de Música Portal da Amazônia” no facebook no seguinte LINK.

NOTICIAS RELACIONADAS

Fonte: Zé Katraca

Comentários do Facebook

Veja Também

Publicidade

  • Http://www.Auto-doc.pt