Sexta-Feira, 10 de Agosto de 2018 - 09:12 (Colaboradores)

L
LIVRE

LENHA NA FOGUEIRA: ARRAIAL FLORESTA NA ROÇA

Desde de ontem, está rolando o Arraial “Floresta na Roça”, que bem poderia ser chamado de Arraial da Juabp. Na realidade, é uma realização da Associação do Bairro Floresta que um dia já foi Areal da Floresta


Imprimir página

Desde de ontem, está rolando o Arraial “Floresta na Roça”, que bem poderia ser chamado de Arraial da Juabp. Na realidade, é uma realização da Associação do Bairro Floresta que um dia já foi Areal da Floresta. Passei lá e posso afirmar, que o ambiente está bonito e o que é melhor, como foi montado na área do campo de futebol, a segurança é total.

Outro arraial, desta feita, começando na noite desta sexta feira 10, é o “XXI Arraial Comunidade no Sertão” também conhecido como Arraial do Fernandão. As barracas estão montadas no Campo de Futebol do Bairro Esperança da Comunidade.

O interessante é que no Arraial do Fernandão são tiradas as dúvidas quanto as apresentações do grupo de quadrilhas juninas, no Flor do Maracujá pois, no “Comunidade no Sertão” é concurso com premiação em dinheiro.

Já confirmaram participação um bocado de juninas como a Rádio Farol, Flor da Primavera, Tradição, Girassol, Rosas de Ouro, Coração Dourado, Juabp, Os Matutos do Socialista, Jucadiro, Mocidade Junina, Estrela do Norte, Forte Príncipe. A coordenação aceita inscrições para participação especial até o meio dia de hoje.

Mais uma vez os grupos de Bois Bumbás ficam fora de um grande Arraial. E olha que esse arraial, é coordenado pelo presidente da Federação de Grupos Folclóricos meu amigo Fernandão. Se o presidente da Federon discrimina a brincadeira de Boi Bumbá a quem os bumbás devem recorrer? Responde aí Calderon!

Vamos deixar de lado os eventos folclóricos para lembrara os sambistas, que nesta sexta feira o Ernesto Melo recebe no Bar do Alípio o sambista manauara Iomar Japonês.

O ‘Velho’ tá convocando todo mundo para a partir das 19 horas, marcarem presença no Bar do Alípio à rua Carlos Gomes, em frente as Lojas Americanas.

Esse japonês é bom de samba. Então vamos lá fazer um samba com o japonês de Manaus o Iomar. Depois de dez dias escutando o Pé de Cocô mil vezes por noite, nada melhor que desopilar os ouvidos, curtindo um bom samba, hoje a noite no Bar do Alípio. O Samba tem poder!

Uma turma de compositores de samba de enredo de Porto Velho, quase consegue inscrever um HINO no concurso da Portela do Rio de Janeiro. A obra já estava praticamente pronta, faltando apenas “lapidar” e gravar para ser enviada à Portela.

A parceria era encabeçada pelo Mestre Oscar Knightz e contava com Sílvio Santos, Mávilo Melo e Bainha entre outros sambistas. Fui encarregado de fazer o contato com a direção da Ala Jair do Cavaco que é a responsável pelo Concurso de Samba enredo da azul e branco de Madureira. Fiz o contato terça-feira e fui informado, que para inscrever a OBRA para o concurso, é necessário ter na parceria um COMPOSITOR da Portela e mais, os sambas teriam que ser inscritos até as 22 horas de quarta feira dia 08, gravado em CD ou outra plataforma digital. Ficou difícil. “O povo de Madureira chegou; Chegou e vem pra abafar; Trazendo Clara Guerreira chegou; Lá vem Portela, Canta meu Sabiá” era o refrão que ia levantar a Sapucaí. Não é brincadeira não, a letra que o Oscar escreveu é um verdadeiro poema. Infelizmente cuidamos muito tarde. Portelenses! Para o ano nos aguarde.

Já pensou o Bainha aos 80 anos, sendo um dos vencedores do concurso de samba enredo na Portela? Será que ele aguentaria tanta emoção? Eu também não sei se teria condições emocionais para tanto;

Para não perder o pique, vamos cantar samba na noite de hoje no Bar do Alípio ao lado do amigo Ionar Japonês, o Japonês do samba de Manaus.

Fonte: 015 - Silvio Santos / NewsRondonia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias