Sexta-Feira, 20 de Julho de 2018 - 17:23 (Colaboradores)

L
LIVRE

LENHA NA FOGUEIRA: 37ª EDIÇÃO DA FLOR DO MARACUJÁ

Ta todo mundo acomodado no céu, enquanto aqui na terra, no espaço conhecido como Porto Velho capital do estado de Rondônia, o que rola são os preparativos dos grupos folclóricos


Imprimir página

Ta todo mundo acomodado no céu, enquanto aqui na terra, no espaço conhecido como Porto Velho capital do estado de Rondônia, o que rola são os preparativos dos grupos folclóricos, para 37ª edição da Mostra de Quadrilhas e Bois Bumbás que vai acontecer durante o Arraial Flor do Maracujá entre os dias 27 de julho e 5 de agosto, na Cidade da Cultura (Parque dos Tanques).

Depois de várias reuniões, os Bois Bumbás concordaram em participar do Concurso. Explico: Assim como aconteceu no Flor do Maracujá do ano passado, quando os Bumbás se apresentaram sem concorrer ao título, este ano, após a direção da Federon fincar o pé na obediência do Regimento Interno da entidade e do Regulamento do Arraial que diz:

O grupo folclorico de Quadrilha ou Boi Bumbá só fara jus a ajuda de custo oferecida pela Federon, caso concorde em participar do concurso que vai eleger os melhores da 37ª edição da festa.

As quadrilhas desde o ano passado, aceitaram as condições constantes no Regimento Interno da Federon, agora os Bois por uma deferência especial da diretoria da Federação, ano passado não concorreram. Este não teve boca. Fernando, Severino e Delídio (Presidente, Diretor Financeiro e Secretário da Federon respectivamente) não abriram mão do cumprimento do Regimento e aí o bicho quase pega.

Os dirigentes dos Bumbás apelaram para a direção da Guarnecer e mesmo assim não teve jeito. Acontece que a Guarnecer não tem poderes sobre o que consta do Estatuto da Federon e então ficou por isso mesmo.

O certo foi que em reunião que aconteceu na residência do presidente do Bumbá Diamante Negro folclorista Aluízio Guedes, noventa e nove por cento dos grupos de Boi, concordaram em participar do concurso da Federon.

Quando falo em 99%, é porque em contato com a presidente da Guarnecer, minha amiga Simone Guedes ela informou, que dois grupos ainda estavam indecisos. O Mancha Negra que é dirigido por ela e o Campeoníssimo Corre Campo. “O Júnior Castro ficou de entrar em contato comigo na tarde de ontem (19), para confirmar ou não, se o Corre Campo vai se apresentar no Flor do Maracujá deste ano”, disse Simone.

O que sei é que a direção do Corre Campo contratou o artista especializado em indumentárias de personagens de destaque de Boi Bumbá Cleiton Lopes e até o colocou numa casa, onde ele está confeccionando ou adaptando as Fantasias dos Itens do Gigante Sagrado. Quer dizer, ninguém gasta dinheiro em fantasia, para deixá-la guardada. Acho que a Branca e o Júnior irão concordar em colocar o Corre Campo disputando o título da 37ª Mostra de Quadrilhas e Bois Bumbás – Arraial Flor do Maracujá.

Por falar em disputa, nossos representantes no Festival Nacional de Noivo e Noiva e Rainha da Diversidade, embarcaram ontem rumo ao Piauí aonde vai acontecer o Concurso Nacional Promovido pela CONFEBRAQ.

Olha só, neste domingo 22, a Quadrilha JUABP vai apresentar o Figurino com o qual a quadrilha vai se apresentar no Flor do Maracujá. A festa começa ao meio dia no Poli Esportivo do Bairro Areal da Floresta e tem mais, será servido a tradicional feijoada da JUABP. O valor do convite é R$ 20.

Amanhã as 17 horas, a SETUR promove a abertura do CENTRO DE ATENDIMENTO AO TURISTA. O CAT vai funcionar no Primeiro (1º) Piso do Porto Velho Shopping ao lado do Tudo Aqui em frente a Loja Adidas.

Na oportunidade será apresentado o APLICATIVO TURISMO RONDÔNIA onde estarão todas as informações, sobre as atrações turísticas do estado de Rondônia. Você já pode baixar o aplicativo via Play Story.

Hoje tem samba, seresta e chorinho a partir das 19 horas no Bar do Alípio na Carlos Gomes.

Fonte: 015 - Silvio Santos / NewsRondonia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias