Sabado, 14 de Abril de 2018 - 09:20 (Geral)

L
LIVRE

JULIO OLIVAR PRESTA CONTA DE SUA GESTÃO NA SETUR

Ao tempo em que agradeço ao ex-governador Confúcio Moura e aos colegas de Governo, aproveito o ensejo para apresentar um resumo do que conseguimos realizar.


Imprimir página

Caros(as) amigos(as),

Como já é sabido por muitos, reitero ter pedido exoneração da função de superintendente estadual de turismo do Governo do Estado de Rondônia.

Ao tempo em que agradeço ao ex-governador Confúcio Moura e aos colegas de Governo, aproveito o ensejo para apresentar um resumo do que conseguimos realizar.

- Assumimos a pasta com todos os convênios em vias de serem perdidos (pedimos dilações de prazos e asseguramos recursos de contrapartida e obras importantes tiveram continuidade).

- Não havia sequer um panfleto, vídeo institucional, banco de imagens, enfim, nada havia para a promoção do Estado. Deixamos pronto o filme que é usado atualmente, material gráfico de alta qualidade (textos e imagens produzidos pela própria SETUR) dos 22 municípios rondonienses que compõem o Mapa Brasileiro do Turismo. Promovemos três edições do concurso "Rondônia é + de Fotografia" com a participação de 48 municípios. Colhemos depoimentos de mais 300 pessoas para o Museu de Gente.

- A SETUR é a área do governo que trabalhou pela questão museológica e de preservação da memória do estado. Revitalizamos de túmulos de personagens históricas no Cemitério dos Inocentes, investimos mais de meio milhão na recuperação da memória da EFMM em Guajará recuperando o museu da ferrovia; apoiamos com aquisição de veículo para o Museu da Arqueologia de Médici; fundamos o Museu Virtual de Gente; adquirimos peças para o acervo do Museu das Comunicações de Ji-Paraná; deixamos concluído o processo, projeto arquitetônico e empenhados os recursos financeiros de mais de R$ 560 mil para revitalização do museu Casa de Rondon, de Vilhena;

- O Memorial Rondon foi construído com recursos de compensação da SA Energia sob a diligência da SETUR; único órgão de governo Federal ou Estadual que, ao lado da 17ª BIS, de fato, trabalhou pela execução da obra, assumindo a responsabilidade com despesas fixas, custos com mão-de-obra, exigindo adaptações feitas pela usina antes de assumir, em nome do Governo, o espaço (que já havia sido dado como concluído pela usina); a SETUR criou roteiros turísticos envolvendo o memorial e o apresentou a dezenas de canais de TV, sites e publicações especializadas em turismo e memória.

- Deixamos dezenas de propostas cadastradas, aprovadas e algumas com recursos já empenhados pelo Siconv do Governo Federal, incluindo mais de R$ 14 milhões para construção do Centro de Eventos de Porto Velho para realização do carnaval e Arraial Flor do Maracujá, além de feiras, em área específica.

- Realizamos pequenas e médias obras em vários municípios - Destaque aos dois centros culturais de Guajará-Mirim que vão dignificar um dos maiores eventos folclóricos do estado, o Duelo da Fronteira – convênio com MTUR.

- A SETUR se empenhou na instrução do turismo como política pública de verdade, tendo participado ativamente da formatação e instrução do Conselho Empresarial de Turismo com 27 instituições do trade estadual; Deixamos empenhados com recursos próprios R$ 300 mil para o término do filme "Rio da Dúvida", entre outros.

- Deixamos documentado no PDES (Plano de Desenvolvimento Estratégico Estadual) os rumos que devem ser seguidos até 2030 para o turismo; a ferramenta é fundamental para que nenhum gestor queira "reinventar" a roda.

- Apesar de nunca termos nenhuma mídia paga pelo órgão de comunicação em TV, rádio ou site, fizemos com que o turismo fosse pauta em mais de 90 publicações, inclusive internacionais.

- Contribuímos para a promoção do pescado Pirarucu como algo importante para a gastronomia e a identidade locais, tendo criado o selo "Peixe de Rondônia" é instruído o prato "Pirarucu Rondon" como sendo o prato oficial da capital;

- A SETUR tem um orçamento muito limitado e um corpo de servidores pequeno (apenas 16 pessoas), apesar de o organograma ser construído com 29 nomes.

 

 

Fonte: 015 - Assessoria

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias