Segunda-Feira, 18 de Dezembro de 2017 - 09:11 (Internacional)

16
Não recomendado para menores de 16 anos

JOVEM DE 22 ANOS É ESTRAÇALHADA E MORTA PELOS PRÓPRIOS CÃES DURANTE PASSEIO

Autoridades policiais afirmaram que Bethany Lynn Stephens tinha graves ferimentos na cabeça e na garganta.


Imprimir página

Virgínia, Estados Unidos - Uma mulher de 22 anos morreu atacada pelos próprios cães, da raça pit bull, enquanto passeava com eles por um bosque no condado de Goochland, no estado americano da Virgínia. Autoridades policiais afirmaram que Bethany Lynn Stephens tinha graves ferimentos na cabeça e na garganta. Os dois animais cercaram o corpo dela por uma hora.

Quem encontrou o corpo de Bethany, segundo informações do jornal Richmond Times-Dispach, foi o pai dela. O homem saiu para procurar a filha quando notou que a jovem demorava a regressar para casa. Ele se deparou com uma cena horripilante.

Naquele momento, por volta das 20h20, o homem viu os cachorros em volta do corpo da moça, como se o estivessem guardando. Ele, então, acionou os serviços de emergência, que levaram Bethany a um consultório médico. Exames iniciais constataram que os cães atacaram a dona.

“A vítima tinha feridas defensivas em suas mãos e braços, tentando manter os cachorros afastados dela, o que seria consistente com o ataque enquanto ainda estava viva”, disse o xerife de Goochland, James Agnew.

Ele acrescentou que as primeiras lesões ocorreram na face e na garganta da jovem. Na sequência, ela teria caído ao chão inconsciente, antes de ser atacada até a morte. “Estou na aplicação da lei há 40 anos e nunca vi algo como isso”, disse o policial.

Segundo o xerife, os cães são grandes e, aparentemente, treinados para lutar.

Fonte: 012 - portalcm7

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias