Quarta-Feira, 28 de Dezembro de 2016 - 15:53 (MINHA HISTÓRIA)

L
LIVRE

HOMEM COM CÂNCER TERMINAL SE CASA NO HOSPITAL HORAS ANTES DE MORRER

Na última sexta-feira (16), quando os médicos perguntaram ao paciente com câncer terminal, Raul Hinojosa, qual era seu pedido final, ele respondeu prontamente: “quero me casar com ela”, disse apontando para a noiva


Imprimir página

Na última sexta-feira (16), quando os médicos perguntaram ao paciente com câncer terminal, Raul Hinojosa, qual era seu pedido final, ele respondeu prontamente: “quero me casar com ela”, disse apontando para a noiva, Yvonne Lamas.

O pedido foi aceito na mesma hora e os familiares e funcionários do hospital correram para arranjar tudo para a cerimônia. A noiva foi até um cartório civil para conseguir os papéis e devido a situação do casal, o juiz dispensou o período de 72h necessário em um casamento comum.

O terno usado por Raul foi emprestado pelo médico responsável pelo setor onde estava internado e o vestido da noiva foi trazido pela família. E o bolo de casamento não podia faltar, vindo direto da cafeteria do hospital.

O casal estava junto há onze anos e Raul lutou contra a doença durante três. “Ele sempre foi muito respeitoso, romântico e sempre quis me dar o mundo”, disse Yvonne em entrevista à CNN. O pedido de casamento foi feito em 2007, mas ambos esperavam o momento certo para subir ao altar. “Ele estava determinado a me proporcionar um casamento de contos de fadas. Ele tentou economizar, mas no meio disso veio o diagnóstico de leucemia”, relembra.

Ao lado do filho de 9 anos e familiares, eles finalmente realizaram o sonho no quarto do hospital. “Quando andei pelo corredor e vi ele de terno, fiquei apenas sem fôlego. Ele estava lindo. Isso não teve preço”, se emocionou a noiva. Aos 33 anos, Raul faleceu 36h após a cerimônia.

Fonte: 010 - br.vida-estilo.yahoo

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias