Sabado, 19 de Outubro de 2013 - 10:06 (Colaboradores)

GARIMPEIROS INDIGNADOS PODEM VÃO ADERIR AOS PROTESTOS CONTRA GOVERNO DE RONDÔNIA

Com a ocupação da Estrada de Santo Antônio e da Praça Getúlio Vargas pelos insurgentes ligados ao Movimento dos Atingidos por Barragens [MAB], a deixa abriu espaço, agora, aos garimpeiros que se consideram ‘traídos’ por Confúcio Moura e a secretária do Desenvolvimento Ambiental, Nanci Maria Rodrigues, titula da SEDAM.


Imprimir página

O primeiro sinal de que ‘as insurgências podem recrudescer a qualquer momento’ foi dado, nesta quinta-feira [17], com o fechamento da Estrada de Santo Antônio que dar acesso à usina hidrelétrica e a ocupação da Praça Getúlio Vargas. O evento levou a chancela do Movimento dos Atingidos por Barragens [MAB].

Ao se eleger, Confúcio afirmava que, ‘não quero greves em meu governo’. Não fez por onde e logo foi obrigado a conviver com movimentos paredistas de curtos, médios e longos períodos’. Os professores, policiais e trabalhadores da saúde encabeçam a reação por acordos não cumpridos pelo mandatário rondoniense’.

O imbróglio vem rolando desde que o Coordenador de Recursos Minerais [COREM], geólogo José Trajano dos Santos, fez valer o Decreto 5.197, de 29 de Julho de 1991, do ex-Governador Oswaldo Piana, proibindo a garimpagem da Cachoeira de Santo Antônio ao Distrito de Calama, mas que isentou as hidrelétricas de Santo Antônio e Jirau.

Os garimpeiros se queixam que sempre foram perseguidos pela ex-comunista Nanci Rodrigues. Para eles, ‘um entrave ao Governo, às causas populares e ao fortalecimento da economia regional’; um segmento da cadeia produtiva da mineração que muito já contribuiu para o Estado rondoniense, agora ignorado pelo Governo da Cooperação.

De acordo com lideranças garimpeiras, o primeiro passo já foi dado com a realização de reuniões com algumas centrais sindicais. O presidente da CUT [Central Única dos Trabalhadores], Itamar Ferreira [PT], já foi contatado sobre a possibilidade de aderir ao movimento. Até agora, quatro é o número de centrais convidadas a participar do evento ara o final deste mês.

XICO NERY é Produtor Executivo de Rádio, Jornal, TV, Repórter Fotográfico e CONTATO de Agências de Notícias nas Amazônias, Países Andinos e Bolivarianos.

Fonte: Xico Nery

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias

Http://www.Auto-doc.pt