Sexta-Feira, 23 de Março de 2018 - 11:59 (Educação)

L
LIVRE

FACULDADE DA PREFEITURA - PREFEITO E ESTUDANTES PARTICIPAM DA ASSINATURA DO TERMO DE CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDOS

Prefeitura cobre todos os custos da mensalidade, matrícula e rematrícula


Imprimir página

O sonho de cursar o ensino superior está mais próximo para 189 jovens e adultos selecionados para o programa Faculdade da Prefeitura. Os aprovados nas quatro fases e duas chamadas do processo seletivo realizado pela Prefeitura de Porto Velho participaram da cerimônia simbólica de assinatura do termo de concessão de bolsa, que aconteceu na noite de quinta-feira (22), no Teatro Municipal Banzeiros.

Estiveram presentes na cerimônia o prefeito, dr Hildon Chaves, o presidente da Câmara Municipal, Maurício Carvalho, o procurador do município, Moacir de Souza Magalhães, o vice-presidente do Conselho da Faculdade da Prefeitura, Augusto Leite, o secretário municipal de Assistência Social e da Família (Semasf), Claudi Rocha, entre outros envolvidos no projeto.

O evento, além de consolidar a aprovação dos candidatos, serviu ainda para apresentar aos novos estudantes os compromissos e deveres de cada uma das partes. Enquanto a prefeitura se compromete em cobrir todos os custos referentes a mensalidade, matrícula e rematrícula, os alunos devem respeitar algumas regras como: no máximo duas reprovações por nota durante todo o curso e não reprovar por falta. Fica permitido apenas um trancamento total ou parcial durante toda a grade curricular.

“A educação é um instrumento poderosíssimo, é o melhor caminho para a inclusão social. Ao final dos cursos teremos cidadãos mais conscientes e mais preparados para o mercado”, comemorou o prefeito ao pedir para que cada um dos selecionados aproveite ao máximo a oportunidade.

Participam com a oferta de vagas o Centro Universitário São Lucas, a Faculdade Porto FGV, Metropolitana e Faculdades Integradas Aparício Carvalho. Elas por sua vez ganham um desconto no valor do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN), que de 5% cai para 2%.

Entre os critérios de seleção do programa está o perfil social. O candidato precisa residir em Porto Velho há pelos menos cinco anos, ter cursado o ensino médio em escola pública, ter renda per capita mensal de até um salário ou renda familiar de até três salários-mínimos, além de ter realizado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). “Nessa segunda edição foram mais de sete mil inscritos, mais do que o dobro do último processo, foi um processo muito criterioso”, lembrou Augusto.

Felipe Teixeira, de 23 anos, foi selecionado para o curso de Medicina. O jovem garante que sempre almejou esse curso, mas não imaginava um dia ter essa oportunidade. “Eu fui bolsista no cursinho, estudei bastante para passar na federal, que não veio. Esse é um presente grande, nós aqui não temos condição de pagar e agora temos essa chance dada pela prefeitura”, comemorou o novo acadêmico.

Com o sucesso e preenchimento de mais de 80% das vagas ofertadas, a prefeitura já trabalha com a previsão de abertura de um novo processo no segundo semestre, preenchendo as remanescentes.

Fonte: 010 - Comdecom / Fotos: Diego Lima

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias