Quarta-Feira, 25 de Abril de 2018 - 18:24 (Geral)

L
LIVRE

ENTIDADES DISCUTEM DESBUROCRATIZAÇÃO PARA AS EMPRESAS COM JUCER E SEMFAZ, NA FECOMÉRCIO-RO

Após a manifestação de cada representante das entidades empresariais, três cartas foram protocoladas junto ao secretário João Altair e ao presidente da Jucer, Vladimir Oliani.


Imprimir página

A Fecomércio/RO, CDL, Associação Comercial de Rondônia- ACR, Sescap, Conselho Regional de Contabilidade de Rondônia (CRC), Sinper, Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU-RO) e Sindipetro reuniram na manhã de terça-feira na Federação do Comércio com a participação do secretário municipal de Fazenda, João Altair, e o presidente da Junta Comercial, Vladimir Oliani, com objetivo de apresentar proposta de desburocratização para as empresas.

Segundo o vice-presidente de papelaria Francisco Holanda, a reunião objetivou a construção de uma parceria entre empresários, Junta Comercial e a Prefeitura para a elaboração uma política pública para desburocratização das empresas que pretendem se instalar no município. “Precisamos construir juntos um novo modelo mais desburocratizado para atrair a vinda de empresas para Porto Velho”, destacou.

O representante do Conselho Regional de Contabilidade, Agno Roberto Pereira mostrou sua satisfação com a escolha do secretário de fazenda que é um contabilista, com vasta experiência no campo da contabilidade empresarial, o que decerto vai favorecer no diálogo e no entendimento sobre o assunto entre a Semfaz e as entidades representativas do comércio.

O presidente do Sindipetro, Volmir Ramos, demonstrou preocupação com o excesso de burocracia, mas adiantou que estará à disposição para rever uma série de questões que dificultam o processo de emissão dos alvarás dos postos de combustíveis junto ao Estado e à Prefeitura.

Após a manifestação de cada representante das entidades empresariais, três cartas foram protocoladas junto ao secretário João Altair e ao presidente da Jucer, Vladimir Oliani. Cada carta possui propostas específicas para minorar a burocracia, com sugestões de mudanças e propostas específicas que o caso requer.

João Altair disse que conhece a situação e que vai trabalhar uma proposta de mudança sugerida pelas entidades empresariais. Segundo ele, a primeira atitude será conversar com o prefeito Hildon Chaves.

Para o presidente da Jucer, Vladimir Oliani, a reunião foi de grande valia para contribuir com o trabalho da Junta Comercial, proporcionando entendimento entre empresas, Jucer e a Fazenda Pública Municipal.

Fonte: 015 - Assessoria

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias