Quarta-Feira, 23 de Maio de 2018 - 10:27 (Artigos)

L
LIVRE

É TEMPO DE MUDANÇAS. É TEMPO DE COLHEITAS! - POR JOÃO ANTONIO PAGLIOSA

Mas precisamos respeitar as diferenças e qualquer admoestação precisa ser feita de forma firme, mas em amor ao nosso próximo.


Imprimir página

Fossem coisas assaz importantes. O mundo nunca nem em tempo algum, viveu tanta paranoia social...
Mas precisamos respeitar as diferenças e qualquer admoestação precisa ser feita de forma firme, mas em amor ao nosso próximo.
Todos nós precisamos mudar e nos reciclar, mas, jamais viver por vaidades ou riquezas. É imperativo viver sempre por princípios porque o melhor desta terra ainda está por vir, e somente aqueles que consolidam princípios estabelecidos por DEUS, terão este maravilhoso regozijo.
 
Você, ao refletir sobre sua vida, considera-se satisfeito consigo mesmo? Acredita-se aprovado em suas responsabilidades e em seus deveres? Considera que vive um tempo de vitórias e conquistas? Vivencia prazeres oníricos em consonância com a consolidação dos princípios?
 
Há muitos anos atrás, quando minha visão era ofuscada pela carnalidade mundana, escrevi sobre a imutabilidade do gênero humano. Considerava que o homem quando lutava muito para mudar, mudava pouco e mudava apenas mui superficialmente.
Hoje, estou convicto que pessoas que não mudam seu modo de ser, seus conceitos e suas atitudes, são pessoas que precisam de ajuda, precisam de libertação e precisam de cura interior. Precisam ser RESTAURADAS e precisam sofrer transformações que jamais ocorrerão se não houver consciência de seus erros, e de seus pecados cometidos. E se não houver profundo arrependimento sobre todas estas iniquidades e falhas de caráter, não haverá restauração.
 
É TEMPO DE MUDANÇAS. É TEMPO DE COLHEITAS!É TEMPO DE MUDANÇAS. É TEMPO DE COLHEITAS!
O home é carnal e por isso é corrupto. Por isso vive em trevas, por isso é sempre insatisfeito, chorão e reclamador.
Não entende que está desgarrado do rebanho e distante de DEUS. Neste ponto, recomendo que leia Salmos 114, um verdadeiro hino pascal que descreve a passagem dos israelitas através do mar Vermelho e do rio Jordão, onde o salmista exalta o domínio do SENHOR sobre as forças da natureza.
 
Veja, precisamos todos ser cientes de nossa impotência e entender que dependemos TODOS de Deus. Desconhecemos o que nos reserva o dia de amanhã e não possuímos nenhum domínio sobre nossa própria vida. Então, não insista em fazer o que você bem entende. Saiba dizer NÃO para a sua vontade porque o pecado nos afasta de DEUS.  E, consequentemente, de suas graças.
E o arrependimento é o grande e primeiro passo para o início de um novo tempo em sua vida. Aleluia!
Veja Apocalipse 2:5, e logo em seguida, no versículo 10, o apóstolo João (96 d.C.) nos ensina que não devemos temer as coisas que precisamos sofrer e informa que as tribulações têm um tempo determinado. Elas passarão e o deserto terminará. É assim com todos os homens, desde o princípio dos tempos...
 
Você pode estar vivendo um momento muito difícil e pode estar se sentindo no limite extremo de suas forças, mas NÃO desista! Persevere e seja obediente a palavra de DEUS porque cada ato de obediência desencadeará bênçãos a você, e a quem você ama. E leia Salmos 30:5, para reanimar-se.
 
E não esqueça: ”Não haverá cura sem guerra!” Vivemos em campo de batalhas, meu prezado...
Com carinho e orando por um mundo melhor para todos.
 

Fonte: 015 - João Antonio Pagliosa / NewsRondonia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias