Segunda-Feira, 28 de Agosto de 2017 - 12:35 (Direito do Consumidor)

L
LIVRE

DIREITOS DO CONSUMIDOR: PROCON DE GUAJARÁ-MIRIM COMPLETA UM ANO COM 70% DAS RECLAMAÇÕES SOLUCIONADAS

Para a gerente Susana Chebib, o número de atendimento ainda é baixo, considerando que são 47.048 habitantes de Guajará-Mirim e 28.255 de Nova Mamoré, de acordo com o Censo 2016 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE).


Imprimir página

Em um ano e dois meses de funcionamento, a unidade do Programa de Proteção aos Direitos do Consumidor (Procon) de Guajará-Mirim realizou 938 atendimentos, obtendo 70% de resolutividade em comum acordo. Do total de reclamações, a maioria é contra as operadoras de telefone e casas comerciais. A unidade foi inaugurada em 27 de junho de 2016 por iniciativa do governador Confúcio Moura com a proposta de garantir ampla defesa dos direitos do consumidor e a conscientização da classe fornecedora de serviços na região, que compreende também o município de Nova Mamoré e respectivos distritos.

Para a gerente Susana Chebib, o número de atendimento ainda é baixo, considerando que são 47.048 habitantes de Guajará-Mirim e 28.255 de Nova Mamoré, de acordo com o Censo 2016 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE).  A pouca procura é atribuída por Susana à falta de conscientização da população sobre o que é o Procon e seus benefícios. “Temos divulgado esse serviço nos meios de comunicação e realizado palestras, juntamente com o coordenador estadual do Procon, Rui Costa, e o Ministério Público, e aos poucos temos percebido avanço à medida que as pessoas vão se conscientizando dessa importante ferramenta de defesa dos seus direitos”, disse.

Susana lembrou que antes da instalação do Procon no município a maioria da população não tinha a quem reclamar, era atendida durante as ações itinerantes promovidas pelo governo, enquanto as pessoas que tinham condições buscavam o serviço em Porto Velho, a 333 quilômetros. “Hoje as pessoas que têm seus problemas solucionados saem elogiando, por isso a tendência é aumentar a demanda, porque um conversa com o outro, e assim amplia a divulgação”, completou.

EXPANSÃO

Na inauguração, o coordenador Rui Costa informou que se tratava de um projeto piloto realizado em parceria com a prefeitura visando garantir cidadania aos moradores, e que seria estendido a outros municípios. Ele anunciou que está prevista a inauguração de mais três unidades até o fim deste ano. Uma delas será em Pimenta Bueno, até o mês de outubro, e as outras duas em Ouro Preto do Oeste e Espigão do Oeste.  O Procon já atende nos municípios de Ji-Paraná, Ariquemes, Vilhena e Rolim de Moura, além de Porto Velho, no Tudo Aqui, onde funciona a Coordenação Geral, que integra os órgãos subordinados à Secretaria de Estado da Assistência e do Desenvolvimento Social (Seas).

A unidade de Guajará-Mirim funciona na avenida Doutor Mendonça Lima, próximo à representação da Secretaria de Estado de Finanças (Sefin), de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 13h30. O posto foi aberto com duas funcionárias cedidas pela prefeitura como parte da parceria firmada com o governo, que ficou responsável pela estrutura e logística. Mas atualmente apenas uma funcionária realiza o atendimento, conforme a gerente Susana Chebib, que antes era secretária executiva do governo no município. Contatos podem ser feitos pelo telefone (69) 3541 2366.

Fonte: 010 - SECOM/GOV-RO

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias