DIREÇÃO DO DER AINDA NÃO EXPLICOU DIREITINHO O ROUBO DE EQUIPAMENTOS RODOVIÁRIOS DA FROTA DO ÓRGÃO - News Rondônia No rol dos equipamentos roubados, segundo moradores locais, ‘do canteiro de obras que beneficiaram o acesso ao Distrito até a boca do rio Jamari, na Estrada da Penal, uma Patrol teria desaparecido e não recuperada’.

Porto Velho,

Quinta-Feira , 21 de Maio de 2015 - 22:09 - Colaboradores


 


DIREÇÃO DO DER AINDA NÃO EXPLICOU DIREITINHO O ROUBO DE EQUIPAMENTOS RODOVIÁRIOS DA FROTA DO ÓRGÃO

No rol dos equipamentos roubados, segundo moradores locais, ‘do canteiro de obras que beneficiaram o acesso ao Distrito até a boca do rio Jamari, na Estrada da Penal, uma Patrol teria desaparecido e não recuperada’.

ImprimirImprimir página

SÃO CARLOS/Porto Velho – O roubo de peças, máquinas e equipamentos rodoviários que compõem a patrulha mecanizada do Departamento Estrada de Rodagem [DER] tornou-se uma constante no Governo do Estado. Os fatos até agora ainda não foram esclarecidos pela secretaria de Segurança, apesar da determinação do Governador para que a frota seja recomposta.

De acordo com as ocorrências registradas na Chefia de Operação do órgão, na Capital Porto Velho, ‘além de São Carlos, uma caçamba e uma pá-carredeira foram roubadas dos distritos de Abunã e Triunfo, respectivamente, no período de campanha da reeleição do governador quando foram dadas ordens de serviço emergenciais para todo o Estado.

Este site tem a informação de que a atual direção do Departamento de Estrada e Rodagem [DER] teria contratado um investigador particular para ir à Bolívia a fim de descobrir se os maquinários teriam sido levados para o País de Evo Morales.

Mas as investigações nada esclareceram sobre os fatos, o que possibilitou, na semana passada, no sumiço de outro equipamento rodoviário da frota do órgão. Desta feita, no acampamento montado no Distrito de Abunã, uma região dominada por grupos de madeireiros que migraram de cidades do Vale do Guaporé por causa da decadência do ciclo da madeira naquela parte do Estado.

No caso específico do distrito de Abunã, segundo fontes vinculadas a ex-assessores da Chefia de Operação do DER, na Capital, ‘a caçamba basculante pode estar circulando em cidades do país vizinho, ou engavetada em carreadores e zonas de extração de madeira na divisa com os municípios amazonenses de Lábrea e Canutama’.

O roubo da pá-carredeira ocorrido no canteiro de obras do DER no distrito de Triunfo, a 160 quilômetros da Capital, durante a construção de duas pontes, também, no período de campanha eleitoral, ‘os autores podem ser da própria localidade e que atuariam em construtoras de terraplenagem’, disse a fonte consultada.

Segundo parte das linhas de investigações estabelecidas, ainda no ano passado, na região o ladrão de maquinário pesado detido em uma operação policial, teria entregado a fita do segundo roubo de uma pá-carredeira pertencente a uma empresa privada.

À época, o acusado prestava serviço na garagem municipal durante o governo de um ex-prefeito de Candeias do Jamari. Foi demitido sumariamente, mesmo sob forte pressão, não revelou o nome do suposto mandante e hoje vive entre a cidade de Candeias e a Vila Nova Samuel, atuando no setor de serviços pagos por madeireiros da região.

NOTICIAS RELACIONADAS

Fonte: Xico Nery/NewsRondonia

Comentários do Facebook

Veja Também

Publicidade

  • Http://www.Auto-doc.pt