Quarta-Feira, 26 de Outubro de 2016 - 13:11 (Colaboradores)

L
LIVRE

DIA – LOGANDO: MONÓLOGO DO CANSAÇO POR RENATO GOMEZ

Cansado de ver minorias sofrendo, de ser parte de uma minoria, de ter que lutar porque uma maioria tem um pensamento menor.


Imprimir página

Hoje eu acordei cansado, na verdade, ontem também já estava, aliás, faz alguns dias. Não é só um cansaço físico, é um cansaço mental, espiritual... Minha alma está beirando o coma. Minha poesia está sufocada. Definitivamente, estou cansado...

Cansado de ver minorias sofrendo, de ser parte de uma minoria, de ter que lutar porque uma maioria tem um pensamento menor.

Cansado de medidas provisórias que fazem estragos permanentes.

De PECs que pecam pelo simples fato de existir...

Cansado de pedaladas que levam a quedas da democracia.

Cansado de ver o discurso misógino, machista, homofóbico adentrar a universidade, a sala de aula, a rede social, a cabeça de quem deveria ter a mente aberta, mas se fecha. E se fecha por trás de uma cortina que diz defender a moral e a família, mas tá tão podre que não dá pra confiar...

Ah... como eu tô cansado de ouvir hipocrisias das bocas dos deputados...

Cansado de ouvir promessas, tanto as de amor quanto as de políticos.

Tô cansado até desses amores líquidos em corações sólidos.

Cansado do fardo da vida, cansado da vida de fardos, das violências fardadas, das ideias forjadas, das ameaças veladas.

Eu tô de saco cheio do sistema capitalista que enche o bolso, as meias e as cuecas do empresário e do lobista, do corrupto vigarista...

Do cachorro ao presidente... Tô cansado de gritar “Fora!” pra quem nem devia ter entrado...

Cansado de delações premiadas que não dão em nada, de vazamentos de áudios teatrais, de quebrarem e privatizarem estatais... é mensalão, petrolão e foda-se o povão! O Lava-Jato é um circo, mas o palhaço, não é do povo, nem é o Bozo... é o... deixa pra lá...

Cansado de respirar esse ar pesado que derruba aviões com candidatos, e helicópteros de pó carregados conseguem voar...

Cansado da falta de educação e de tratarem a educação com falta... de decoro!!!

Cansado da falta de saúde e de colocarem o dinheiro da saúde no bolso...

Eu tô exausto dessa bipolaridade do povo que perde a direção porque a direita e a esquerda parecem o mesmo lado.

Não tomo partido, mas não moro sobre o muro, esse coração aqui foi partido no murro e só quer saber de bater, não mais de apanhar...

Chega de ouvir falar em sítios e duplex, quero todos os criminosos no xadrez, seja do partido A ou do partido B ou flex...

Enquanto a gente briga que nem criança, entre um tapinha e outro, eles trocam alianças e se casam mais uma vez...

Eu não quero saber de mitos que vivem entre “o minto e o omito” se fingindo de inocente ou crente proliferando discurso de ódio na gente...

Eu estou cansado! Eu quero reforma! Reforma da minha casa, da minha vida, das bolsas, das famílias... Ah! A propósito, eu sou o povo e quero Reforma Política!

Fonte: Renato Gomez

Noticias relacionadas

Banner Ale

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias