Quarta-Feira, 27 de Setembro de 2017 - 21:17 (Eventos)

L
LIVRE

DIA DE COSME E DAMIÃO É COMEMORADO NA PAZ POR CATÓLICOS, ESPÍRITAS E UMBANDISTAS

Apesar da falta de calendário de um caráter homogêneo em todo o mundo, os centros católicos através de pastorais espalhadas no Estado – e na Capital -, além dos Espíritas e Umbandistas mantêm a tradição e homenageiam os dois Santos – que eram irmãos gêmeos.


Imprimir página

Porto Velho, Rondônia – O Dia de São Cosme e São Damião não passou em branco ao menos nas comunidades católicas, espíritas e da Umbanda  desta Capital, respectivamente, com atos comemorativos abertos na terça e na quarta-feira (26 e 27)

Apesar da falta de calendário de um caráter homogêneo em todo o mundo, os centros católicos através de pastorais espalhadas no Estado – e na Capital -, além dos Espíritas e Umbandistas mantêm a tradição e homenageiam os dois Santos – que eram irmãos gêmeos.

No geral a data é comemorada mesmo no dia 27 de setembro. Mas a Igreja Católica prefere festejá-la um dia antes – 26. Porém, ‘em ambas as datas a tradição é mantida e São Cosme e São Damião são lembrados com muito brilho e devoção até mesmos nos terreiros de Umbanda, aponta o historiador José Geraldo, paraibano de João Pessoa.  

No calendário, sejam Católicos, Espíritas ou Umbandistas, são realizados atos com celebrações da data com a distribuição de várias balas, doces e guluseimas para muitas crianças, geralmente, nas comunidades urbanas e rurais.

Em Porto Velho, a reportagem de o NEWS RONDÔNIA foi informada que vários grupos de voluntários Católicos, Espíritas e Umbandistas juntaram doces, balas e guluseimas e que distribuíram ao longo dos dois dias em que a data é comemorada sem graves conseqüências na periferia Sul, Leste e Norte. Alem das comunidades ribeirinhas e ao Sul do estado do Amazonas.

O tributo aos dois irmãos Santos (Cosme e Damião), outra vez, este site de noticias foi informado, também, que, ‘instituições que abrigam crianças vitimizadas por maus tratos ou em situação de vulnerabilidade social e pessoal, na Capital e interior do Estado rondoniense, ‘receberam doces, balas e guluseimas nos dois dias alusivos à data máxima de Cosme e Damião’.

LADO BOM ENTRE CIDADÃOS – Para o dia dos festejos aos dois irmãos Santos, muita gente, entre cidadãos anônimos do ramo religioso e do empresariado de todo o mundo juntam-se de modo diferente e guardam em casa durante o ano. No dia, ‘a festa é grande, quem sai ganhando são as crianças, todas sem distinção de credo, raça ou cor’, enfatiza as acadêmica Francisca da Silva, 55 anos.      

A ajuda vem de católicos, esotéricos ou umbandistas. Ao final, ‘o que interessa é que todos se irmanam na data de 26 ou 27 de setembro a fazem as crianças felizes’, lembra Francisca.

HISTÓRIA - Venerados nas religiões de matriz africana, como o candomblé e a umbanda, os irmãos Cosme e Damião foram gêmeos médicos que passaram a vida ajudando os mais pobres sem cobrar nada.

Eles são considerados os protetores dos farmacêuticos, médicos e também das crianças. ‘Os dois promovem a cura espiritual, principalmente nas crianças que mais precisam’, conta Gladson Bispo, da Federação Nacional da Religião, através de um canal de comunicação.

Fonte: NewsRondônia

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias