Sexta-Feira, 08 de Junho de 2018 - 14:11 (Agronegocios)

L
LIVRE

CONVÊNIO GARANTE AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS PARA AUMENTAR A CAPACIDADE DE PRODUÇÃO DE OVOS DE GALINHA, EM CACOAL

Com o dinheiro na conta, a APR-3 – Associação dos Produtores Rurais da Linha 3 ajusta os últimos detalhes da planta para a construção do entreposto de ovos em Cacoal.


Imprimir página

Com o dinheiro na conta, a APR-3 – Associação dos Produtores Rurais da Linha 3 ajusta os últimos detalhes da planta para a construção do entreposto de ovos em Cacoal. O convênio, de R$303 mil reais, foi assinado pelo governador Daniel Pereira durante a Rondônia Rural Show e é destinado para a aquisição dos equipamentos necessários para o funcionamento do entreposto. A construção do barracão é de responsabilidade da associação.

“O governo fez a parte dele e disponibilizou o recurso para a aquisição dos maquinários e equipamentos necessários para o funcionamento do entreposto. Agora os produtores rurais fazem a parte deles para a construção do barracão. É uma parceria positiva para o desenvolvimento da atividade”, destacou o secretário regional de governo, Charles Pereira.

Diariamente, os produtores da APR-3 produzem cerca de 40 a 50 mil ovos que chegam ao consumidor final através dos atravessadores. Até então, a produção é informal e o entreposto fará a diferença. Ao todo, a associação conta com 29 produtores rurais, dos quais 10 estão focados na produção de ovos. Com o entreposto, mais famílias devem se dedicar à atividade.

“A produção de ovos é diária e quando estiver tudo legalizado poderemos aumentar a capacidade de produção. Queremos trabalhar na tranquilidade, oferecer um produto regularizado junto aos órgãos com toda a documentação necessária. A qualidade dos nossos produtos é garantida e agora vamos oferecer um produto de qualidade e regularizado”, explicou o produtor rural Júlio Turrini.

Além do recurso disponibilizado para a aquisição dos equipamentos de classificação dos ovos, embalagens e outros serviços, o apoio do governo de Rondônia e do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) tem sido fundamental para a construção de um galpão que atenda todas as exigências e regulamentos.

“Estamos aqui para avaliar, de forma preliminar, a planta para a construção do galpão do entreposto, pela associação. O processamento dos ovos passa por uma série de etapas e o galpão precisa atender todas elas. Estamos aqui juntos, auxiliando, para que o galpão seja construído da melhor forma e atenda as necessidades dos produtores”, explicou o superintendente do Mapa, Valter Lins.

De acordo com Júlio Turrini, após a aprovação do projeto, levará cerca de 90 a 120 dias para a conclusão da obra. Enquanto isso, nesse período, será seguido todo os trâmites para a aquisição dos equipamentos, através dos recursos liberados pelo governo estadual.

Fonte: 015 - Secom - Governo de Rondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias