Sabado, 11 de Novembro de 2017 - 08:43 (Pecuaria)

L
LIVRE

CONFÚCIO VAI PREMIAR QUEM INFORMAR QUANTOS BÚFALOS EXISTEM EM RONDÔNIA

A criação de búfalos em Rondônia ocorreu na década de 50. O objetivo central é de dar apoio ao desenvolvimento na região do Vale do Guaporé.


Imprimir página

O governador Confúcio Moura (PMDB) usou seu blog nessa sexta-feira (10) para fazer um desafio aos seguidores. Ele quer saber quanto búfalos existem na fazenda Pau D’óleo e promete até premiação a quem entregar, em seu gabinete, os números reais que comprovem a quantidade desses animais.

A criação de búfalos em Rondônia ocorreu na década de 50. O objetivo central é de dar apoio ao desenvolvimento na região do Vale do Guaporé. Moura, em sua publicação, ressaltou a importância desses animais visando a produção de leite, carne, queijo e atração animal.

“Quero fazer um desafio aos matemáticos e estatísticos do Brasil inteiro. Especialmente, para os rondonienses. Podem usar suas ‘funções’, razões, probabilidades, leis de Newton, até a lei da relatividade, lei da gravidade, números primos, algoritmos, números pares, romanos e arábicos. Tudo. Eu só quero saber quantos búfalos têm na fazenda Pau D’Óleo?”, escreveu.

Após fazer um relato sobre a criação dos búfalos, Confúcio facilitou o desafio por informar que as estimativas de vida dos búfalos – vida média de 30 anos, capacidade reprodutiva e nascimento  de 60% ao ano, duração da gravidez de 10 meses, intervalo entre partos de 3 anos. Considere índice de mortes de filhotes  5%, por predadores, velhice mais 4% ao ano. Abates clandestinos mais 2%. Daí pra frente é com vocês, nasceram filhos, netos, bisnetos, tataranetos e vai e vai.

O governador curioso também informou que fez algumas leituras de relatórios de uma década onde apontaram que haviam 1.500 até 20 mil bubalinos. “Eu não sei. Quero saber. Para iniciar o manejo destes animais e quanto devo gastar para que seja efetivo o controle deles. Há necessidade deste cálculo matemático para que possamos deixar ali, um número restrito, contido e sanitariamente controlado”.

Por fim, Confúcio apresentou um lado “sombrio” causado ao meio ambiente por causa dos búfalos e prometeu entregar uma premiação para quem for assertivo com o “censo animal”. “Quebram tudo. Abrem valas de até 2 metros de profundidade, estradas. Mudam leito das águas. Drenam para outros rumos (…) Quando fizer o cálculo, venha pessoalmente me entregar no  Palácio Rio Madeira, Avenida Farquar, Porto Velho. Prometo lhe oferecer uma medalha com cara de um búfalo jafarabadi”, confluiu.

 

.

Fonte: NewsRondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias