Sexta-Feira, 29 de Junho de 2018 - 15:55 (Vagas de Emprego)

L
LIVRE

CONCURSO SEFAZ GO: PUBLICADO EDITAL PARA AUDITOR FISCAL

Oferta no concurso da Secretaria de Estado da Fazenda do Estado de Goiás é de 28 vagas imediatas e cadastro reserva. Inscrições serão abertas no dia 26 de julho


Imprimir página

Foi publicado no Diário Oficial o edital de abertura das inscrições do concurso da Sefaz/GO (Secretaria de Estado da Fazenda do Estado de Goiás). Sob organização da Fundação Carlos Chagas, a seleção preencherá 28 vagas para o cargo de auditor fiscal da receita estadual.

Haverá, ainda, formação de cadastro de reserva para vagas que surgirem em decorrência de vacância, aposentadorias ou exonerações, dentro do prazo de validade do concurso (de dois anos, a contar da data da publicação da homologação do resultado final, prorrogável por igual período, a critério da Sefaz/GO).

O cargo de auditor fiscal requer diploma ou certificado de conclusão de curso superior em qualquer área. A remuneração inicial é de R$ 20.940,62 para jornada de trabalho de 40 horas semanais.

APOSTILA CONCURSO SEFAZ/GO 2018 - AUDITOR FISCAL

CURSO PARA O CONCURSO SEFAZ GO 2018 - AUDITOR FISCAL

De acordo com o edital, é facultada a elaboração de escalas de serviço de forma a abranger sábado, domingo ou feriado, em horário diurno ou noturno, conforme o interesse da administração fazendária.

Como participar do concurso da Sefaz GO

As inscrições ficarão abertas, exclusivamente via internet, no período das 10h do dia 26 de julho às 14h de 24 de agosto. A ficha cadastral estará disponível na página eletrônica Site.

Será cobrada uma taxa de participação do concurso da Sefaz/GO, no valor de R$ 200, e o seu pagamento deverá ser efetuado até a data limite do prazo, observado o horário de funcionamento do banco.

Provas do concurso da Sefaz GO 2018

A primeira etapa a ser disputada pelos candidatos será a prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. Ela contemplará 120 questões que versarão sobre português, raciocínio lógico-quantitativo e matemática, financeira, direito constitucional, direito administrativo, direito civil/empresarial, finanças públicas e orçamento público, Estado de Goiás, tecnologia da informação, contabilidade geral, avançada e auditoria, legislação tributária e direito tributário.

Com duração máxima de cinco horas, a avaliação será aplicada na cidade de Goiânia/GO no dia 30 de setembro, com início às 8h. A confirmação da data e as informações sobre horários para a realização das provas serão divulgadas, oportunamente, por meio de edital de convocação, a ser publicado no Diário Oficial do Estado de Goiás e no site da Fundação Carlos Chagas.

A fase final do concurso da Sefaz/GO será a análise de títulos, unicamente classificatória. Serão convocados os participantes aprovados e classificados na objetiva, até o limite de 120 candidatos.

Atribuições do auditor fiscal da Sefaz GO

Executar tarefas de arrecadação de tributos estaduais, quando decorrentes da atividade de fiscalização em unidade fixa ou móvel. Constituir o crédito tributário relativo aos tributos estaduais, decorrente do exercício de quaisquer tarefas de controle ou fiscalização, especialmente as realizadas por meio do exame de livro fiscal ou contábil, qualquer outro livro, documento ou mercadoria, em poder do sujeito passivo ou de terceiros, podendo, para tanto, utilizar-se de qualquer método ou processo de investigação ou auditoria de natureza tributária, que vise a apurar as circunstâncias e condições relacionadas com o fato gerador. Realizar diligência ou verificação junto a contribuinte estadual ou terceiro, bem como junto a órgãos da administração pública, objetivando revisar, complementar, suplementar ou corrigir lançamento anteriormente realizado, inclusive para fim de instrução processual. Manifestar-se em processo administrativo tributário em que seja atuante ou para o qual tenha sido designado. Fazer parar veículos em trânsito pelo território do Estado, inclusive apor lacre em carga nestes transportadas. Exigir a apresentação de mercadoria, livro, documento, programa, arquivo magnético e outros de interesse da fiscalização, mediante notificação. Apreender mercadoria, livro, documento, programa, arquivo magnético e outros objetos, com a finalidade de comprovar infração à legislação tributária ou para instruir processo administrativo tributário, ainda que não pertencentes ao infrator. Lacrar móvel, gaveta ou compartimento onde presumivelmente, estejam guardados livro, documento, programa, arquivo ou outros objetos de interesse fiscal. Orientar o contribuinte em matéria tributária. Proceder a representação por crime de sonegação fiscal ou contra a ordem tributária. Executar outras tarefas.

Fonte: 015 - jcconcursos

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias