Sabado, 04 de Julho de 2015 - 09:22 (Séries Especiais)

COMENTÁRIOS RACISTAS CONTRA MARIA JÚLIA COUTINHO SERÃO INVESTIGADOS

Milhares de internautas manifestaram indignação e repúdio aos criminosos. Globo espera que eles sejam punidos e estuda medidas judiciais cabíveis.


Imprimir página

A Maria Júlia recebeu, nesta sexta (3), uma demonstração de carinho do tamanho do Brasil. O dia 3 de julho é o dia nacional de combate à discriminação racial e uns 50 criminosos publicaram comentários racistas, de maneira coordenada, contra ela, na página do Jornal Nacional no Facebook.

Só que o que aconteceu depois, de uma forma absolutamente espontânea e avassaladora, foi que milhares e milhares e milhares de pessoas manifestaram a indignação e o repúdio aos criminosos. Na internet, a expressão "Somos Todos Maju" ganhou todas as redes sociais.

E isso também acabou provocando a reação das autoridades. No estado do Rio, por exemplo, o Ministério Público pediu à Promotoria de Investigação Penal que acompanhe o caso, com rigor, na Delegacia de Repressão a Crimes de Informática. E, em São Paulo, o promotor criminal Cristiano Jorge dos Santos instaurou inquérito para apurar os crimes de racismo e injúria qualificada.

A Globo espera que essas ações cheguem a bom termo e que os criminosos sejam punidos. E, além disso, a própria Globo também está estudando as medidas judiciais cabíveis.

Bonner: Maria Júlia, me deixa pedir um favor pra você. Divide com o público do Jornal Nacional aquela mensagem linda que você mandou pra gente por e-mail hoje à tarde, porque estava todo mundo preocupado com você. Você mandou uma mensagem maravilhosa. Divide aqui com todo mundo.
Maju: Estava todo mundo preocupado. Muita gente imaginou que eu estaria chorando pelos corredores, mas na verdade é o seguinte, gente: eu já lido com essa questão do preconceito desde que eu me entendo por gente. Claro que eu fico muito indignada, fico triste com isso, mas eu não esmoreço, não perco o ânimo, que eu acho que é isso que é o mais importante. Eu cresci numa família muito consciente, de pais militantes, que sempre me orientaram. Eu sei dos meus direitos. Acho importante, claro, essas medidas legais serem tomadas, até para evitar novos ataques a mim e a outras pessoas. Eu acredito que isso é muito importante. E agora eu quero manifestar a felicidade que eu fiquei, porque é uma minoria que fez isso. Eu fiquei muito feliz com a manifestação de carinho mesmo, como vocês disseram. Eu recebi milhares de e-mails, de mensagens. Acho que isso que é o mais importante. E a militância que eu faço, gente, é com o meu trabalho, é fazendo o meu trabalho sempre bem feito, sempre com muito carinho, com muita dedicação, com muita competência, que eu acho que é o mais importante. E, pra finalizar, Bonner e Renata, é o seguinte: os preconceituosos ladram, mas a caravana passa. É isso.
Bonner: É isso. A Majuzinha passa, como você gosta de dizer. Os cães ladram.
Maju: Os preconceituosos ladram, mas a Majuzinha passa.
Bonner: Eu e a Renata falamos em nome de todos os colegas da Globo. É claro que todos aqui dentro repudiaram essas agressões absurdas. Somos todos Maju, né Renata?
Renata: Somos todos Maju. Hoje e sempre.
Maju: Obrigada, gente!

Fonte: globo.com

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias