Quinta-Feira, 19 de Abril de 2018 - 22:07 (Colaboradores)

10
Não recomendado para menores de 10 anos

ASSESSOR DE VEREADOR DE CANDEIAS É PRESO EM PORTO VELHO DEPOIS DE ROUBO E PERSEGUIÇÃO CINEMATOGRÁFICA

Durante a fuga, o motorista atropelou algumas pessoas e caiu com o veículo em um buraco.


Imprimir página

Na tarde da última quarta-feira (18), policiais militares realizaram a prisão de três suspeitos, após roubo ocorrido no Bairro Olaria, região central da capital. Durante a fuga, o motorista atropelou algumas pessoas e caiu com o veículo em um buraco.

Um dos suspeitos preso foi identificado como VITOR S.L.G, morador de PORTO VELHO, e se apresentou como servidor da Câmara Municipal de Vereadores de Candeias do Jamari, e o carro usado no roubo e fuga é de propriedade de sua mãe. 

Conforme informações, na Rua José Camacho, Bairro Olaria, os suspeitos estavam em um automóvel e realizaram o roubo de um aparelho celular e outros pertences de uma mulher, empreendendo fuga. Já no cruzamento da Avenida Amazonas com Avenida Jorge Teixeira (BR-319), uma guarnição da PM avistou os suspeitos e deu voz de parada, mas o motorista empreendeu fuga. Ao sair da Jorge Teixeira, o motorista atropelou duas pessoas na BR-364 e perdeu o controle da direção, caindo em um buraco ao lado da rodovia.

UMA PESSOA MORREU E COMPLICOU A VIDA DO ASSESSOR

Infelizmente, durante a fuga, o condutor do veículo acabou atropelando duas pessoas que estavam em uma motocicleta. As vítimas foram socorridas ao hospital com sérias lesões pelo corpo. 

Uma das vítimas identificada como, Renato Lima da Silva, de 29 anos acabou não resistindo aos ferimentos e morreu no Hospital e Pronto Socorro João Paulo II.

Em relação a outra vítima do acidente, identificado como Samuel, ele segue internado.

Uma fonte da Câmara de vereadores que não quer se identificar com medo de represálias, afirmou que na manhã de quinta feira um parente do acusado foi até a sede do parlamento "exigindo saber a carga horária do acusado e os seus holerites, e deixou claro que (batendo no peito) que ninguém vai exonerar o rapaz porque se fizerem isso, a COISA VAI FEDER!" 

A mesma fonte falou que o acusado é indicação do vereador OZEIAS MILLENNIUM e que a família "ajudou" na campanha em troca de portarias. 

Fonte: Carlos Caldeira - NewsRondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias