Sexta-Feira, 06 de Janeiro de 2017 - 07:32 (Colaboradores)

L
LIVRE

AS CONTROVÉRSIAS DE UMA REBELIÃO – POR DANIEL MARTINS

E os direitos humanos, porque não alardearam como de costume, só porque não foi um policial e nem um pai de família quem matou??


Imprimir página

Sem dúvida nenhuma é triste para as famílias dos presos mortos na rebelião em Manaus, mas sejamos verdadeiros, bandidos que mataram bandidos, então, não podemos fazer nada.

Mas vamos aos pontos.

Primeiro: E os direitos humanos, porque não alardearam como de costume, só porque não foi um policial e nem um pai de família quem matou?? Hummm, quando é a bandidagem matando, eles se calam e um ‘‘partidinho’’ comunista que dar berros, cadê? Nada dessa vez? Então tá, né?

Segundo: A secretária de segurança pública do Amazonas, na pessoa do Sergio Fontes, titular da pasta, disse que os mortos eram estupradores e da facção Primeiro Comando da Capital (PCC), já o ministro Alexandre de Moraes disse que não, que mais da metade dos mortos não faziam parte de facção nenhuma, e agora, quem falta com a verdade, o ministro ou o secretário? Procurada, a SSP-AM não se pronunciou e a assessoria do ministro, também não.

No meu ver, e acredito que no seu também, eles fecharam um acordo de, eu falo, tu falas, nós falamos e o povo ouve e repete o que quiser, sendo assim, a verdade mesmo não é sabida por ninguém, a não ser, eles mesmos. Afinal, o ministro não quer que o PCC toque o terror no país, não que ele se preocupe com a população e sim, com o seu cargo. E aí fica nessa, e as pessoas colocando a culpa na imprensa, dizendo que a mesma havia fechado acordo de não falar nada dos ‘‘reais’’ números, afinal, vários áudios correram a internet dizendo que amigos de presos, de jornalista e até parentes, tinham informações como, fugiram mais de mil homens ou que morreram 200 em vez de 56, como havia divulgado a SSP e os demais órgãos.

Terceiro: Minha pergunta é, você que diz, que bandido bom, é bandido morto, está satisfeito? Se você é do Amazonas, acredito que vai dizer que não, afinal, o governo do Estado (Nós) vamos pagar essa conta, tanto do funeral, assim como a indenização que as famílias vão receber, afinal, os presos são de responsabilidade do Estado do Amazonas.

Quarto: A imprensa questiona o presidente Michel Temer a se pronunciar sobre o massacre, uai... ele não é obrigado e ele já mandou um ministro, mas teimam em colocar matéria dizendo que ele ainda não disse nada, à veja hoje estampou dizendo que até o Papa Francisco já havia falado sobre a chacina e o presidente não. Como se a veja se importasse com a opinião do Sumo Pontífice, mas no meu entender, o presidente tem coisa pra dedéu pra fazer, invés de mandar uma notinha lamentando as mortes dos bandidos, afinal, ele não é comunista e nem petista para fazer campanha em cima da desgraça alheia.

Por Daniel Martins/ Blog do Daniel

Fonte: Daniel Martins

Noticias relacionadas

Banner Ale

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias