Segunda-Feira, 30 de Outubro de 2017 - 16:47 (Esportes)

L
LIVRE

AGENTE PENITENCIÁRIO DE RONDÔNIA PARTICIPA DA GRANDE FINAL COPA BRASIL SPRINT PRINT TRIATHLON MANAUS 2017

Agente penitenciário desde 2008, Jorge Luiz Moura dos Santos começou no serviço público na função de socioeducador trabalhando diretamente com os adolescentes que cometeram atos infracionais.


Imprimir página

Por Léia Castro

LINHA FINA: A disputa garantiu a vaga para o Mundial na Austrália, onde representará o Brasil. A participação no Mundial de Sprint Triathlon Good Coast – Autrália, deve acontecer em setembro de 2018. O agente penitenciário pede ajuda financeira para está na disputa internacional.

Agente penitenciário desde 2008, Jorge Luiz Moura dos Santos começou no serviço público na função de socioeducador trabalhando diretamente com os adolescentes que cometeram atos infracionais. Desde os (14) anos decidiu praticar esportes. Hoje aos (44) participa de relevantes competições como a Grande Final Copa Brasil Sprint Thiathlon que ocorreu em outubro na cidade de Manaus-AM. Ficou classificado entre os top’s da categoria 40/44 anos. Ao todo foram 370 atletas de todo o país a participarem deste campeonato. Rondônia faz parte dos (20) Estados da federação que foram representados pelos melhores esportistas do Brasil. Aqui em Rondônia, a seleção ocorreu em julho deste ano na cidade de Ji-Paraná, onde Jorge Luiz tirou em primeiro lugar na seletiva.

Segundo o atleta, os outros competidores treinam de quatro a cinco horas por dia. Ele não tem esse tempo porque cuida da filha cadeirante Sarah Kaiany de 13 anos, ela nasceu com má formação óssea, uma doença conhecida como miolomeningocele. O treino do servidor público é realizado no máximo em uma hora, devido os cuidados exigidos pela filha Kaiany, que precisa da ajuda dele até para tomar banho. “Todos os dias eu uno duas modalidades. Um dia eu corro e nado, no outro eu nado e pedalo. No pedal eu faço em torno de 15 mil metros que equivale a (30) a (40) minutos de exercício. Sempre coloco a natação porque são detalhes de técnicas que são adquiridas lentamente, essa dedicação faz a diferença para ficar entre os melhores colocados. Vejo como requisito para trazer a medalha de ouro, por isso, treino na água todos os dias da semana nem que seja para fazer mil metros,” afirmou.

A orientação do atleta para quem deseja praticar esporte é evitar gorduras, refrigerantes e açucares em excesso. Ter acompanhamento com nutricionista e endroconologista, especialistas em alimentação nutricional. Ele diz que estes cuidados com a saúde possibilitou participar da Grande Final Copa Brasil Sprint Thiathlon que começou às 07h30 da manhã nos dias 13 e 14 de outubro, onde executou o percurso em 1h18m que deu a ele a décima posição no ranking. A prova consiste em natação, ciclismo e corrida que garantiu a vaga para o Mundial na Austrália, agora representará o Brasil.

A participação no Mundial de Sprint Triathlon Good Coast – Autrália. Deve acontecer em setembro de 2018. Para o competidor está no cenário internacional Jorge pede ajuda financeira, pois segundo ele os custos são altíssimos. Ele conta que só de passagens aéreas ida e volta de Rondônia para São Paulo são R$ 2.000,00. De São Paulo para a Autrália ir e voltar deve pagar R$ 4.900,00. Ainda tem a estadia com mais R$ 1.500,00, mais o transporte equivalendo a 1.200,00, a alimentação em torno de R$ 750,00 e se alguma peça da bicicleta quebrar precisará tem no mínimo R$ 800,00 para fazer a troca de peças e assim continuar na competição. No total são quase R$ 11.150,00. O agente atleta se compromete em divulgar as marcas que o apoiarem com visibilidade não apenas na Austrália, mas no decorrer de todo o ano de 2018.

Os interessados podem ligar diretamente para Jorge Luiz no número 99286-0110 ou fazer o depósito no Banco Brasil - Ag. 2290-X – C/C 5802-5 na conta de Jorge Luiz Moura dos Santos.

Fonte: assessoria

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias